Confira algumas dicas do que fazer após instalar o openSUSE Leap 42.3, como a instalação de codecs, do Steam, Google Chrome e várias outras "melhorias"!
O que fazer após instalar o openSUSE Leap 42.3

 No dia 26 de julho de 2017 (ontem) foi disponibilizado o openSUSE Leap 42.3, tendo como base o Linux Kernel 4.4 (de longo suporte) e trazendo várias atualizações de pacotes em relação à versão anterior. Confira mais detalhes a respeito do Leap 42.3 acessando este link.

 E para ajudar (principalmente) os iniciantes, preparamos algumas dicas do que fazer após instalar o openSUSE Leap 42.3, como a instalação dos codecs e players multimídia, como o VLC, SMPlayer e o Audacious, instalação do OpenJDK e do Oracle JRE/JDK, de navegadores populares como o Google Chrome, Opera e Vivaldi, do Adobe Flash Player e várias outras "melhorias".

  Este tutorial foi testado no openSUSE Leap 42.3, com o ambiente de área de trabalho GNOME 3.20.2.


Os principais tópicos deste tutorial:


Atualizando o sistema

 Uma das primeiras coisas a se fazer após instalar o openSUSE Leap é atualizar a lista de repositórios e instalar as atualizações. Você tem duas opções:

[1ª OPÇÃO] - Atualizando o openSUSE via linha de comando (zypper)


 A maneira mais prática (pelo menos na minha opinião) de atualizar o sistema é pela linha de comando, utilizando o zypper (que é a ferramenta de gerenciamento de pacotes e repositórios do openSUSE e SUSE Linux Enterprise). Para isso, abra um terminal e execute o comando:

sudo zypper ref && sudo zypper up

  Após os repositórios serem atualizados, você terá que digitar s (Sim) ou y (Yes) e pressionar Enter para baixar e instalar as atualizações, ok?!

 Para aprender mais sobre o uso do zypper, acesse o link abaixo e confira algumas dicas que preparamos:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/01/gerenciando-pacotes-opensuse-zypper.html


 Ou acesse o Guia Oficial do zypper nos links abaixo:

  https://en.opensuse.org/SDB:Zypper_usage (em inglês)
  https://pt.opensuse.org/Zypper/Uso (em português)


[2ª OPÇÃO] - Atualizando o openSUSE via interface gráfica (YaST)


Ícone do YaST (Yet another Setup Tool)
  Além de utilizar o terminal para atualizar o sistema, você também poderá fazer isso e muito mais através do YaST (Yet another Setup Tool), que é a ferramenta de instalação e configuração do openSUSE e do SUSE Linux Enterprise. Com ele é possível instalar/remover programas e gerenciar os repositórios, configurar a rede, a placa de som, o teclado e impressoras, gerenciar os serviços do sistema dentre outras opções, de um jeito simples e fácil via interface gráfica.

 Para atualizar o openSUSE via interface gráfica, abra o YaST (procure-o no menu de aplicativos do seu ambiente gráfico) e na seção "Software", clique em "Atualização online", como mostrado na imagem abaixo:

Janela principal do YaST, a ferramenta de instalação e configuração do openSUSE e SUSE Linux Enterprise

 Feito isso, uma nova janela será aberta, mostrando que os repositórios estão sendo atualizados:

Os repositórios estão sendo atualizados

 Após, será exibido um resumo das atualizações disponíveis para o seu sistema, basta apenas clicar no botão "Aceitar", na parte inferior direita da tela, para instalá-las:

Resumo das atualizações disponíveis

 Agora é só aguardar enquanto as atualizações são baixadas e instaladas em seguida:

Aguarde enquanto é feito o download e instalação das atualizações

 Concluído o processo, provavelmente será exibido uma janela de diálogo informando que você deverá reiniciar a sessão manualmente para aplicar as atualizações, como mostrado pela imagem abaixo (clique em "OK" para fechá-la):

Aviso informando que é necessário reiniciar a sessão para aplicar as atualizações

 Muito fácil, não!


 Após instalar as atualizações no seu openSUSE (via terminal ou pelo YaST), recomendo que reinicie o seu computador antes de continuar executando as dicas sugeridas neste artigo, ok?!


Adicionando o Repositório Packman e instalando os codecs multimídia

 Devido a questões legais (patentes de softwares e direitos autorais), o openSUSE não oferece suporte a codecs proprietários como o MP4, AAC, WMA e outros nos repositórios oficiais, exceto o suporte à decodificação MP3, que está presente no openSUSE Leap 42.3 e Tumbleweed (as patentes do formato expiraram recentemente).

 Se você pretende reproduzir (além do MP3) os mais diversos formatos multimídia no seu openSUSE Leap 42.3, terá que adicionar no sistema o Repositório Packman (bem conhecido entre os usuários do openSUSE), que disponibiliza os codecs e também vários softwares para reprodução de áudio e vídeo. Para isso, basta executar o comando abaixo:

sudo zypper ar -f http://ftp.gwdg.de/pub/linux/misc/packman/suse/openSUSE_Leap_42.3/ Packman

 Importe a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import http://ftp.gwdg.de/pub/linux/misc/packman/suse/openSUSE_Leap_42.3/repodata/repomd.xml.key

 Atualize a lista de repositórios:

sudo zypper ref

 E execute o comando abaixo, de acordo com o seu ambiente gráfico, para instalar os pacotes/codecs:


  Se você utiliza o openSUSE com o desktop KDE Plasma, execute:

sudo zypper in libxine2-codecs ffmpeg lame gstreamer-0_10-plugins-good gstreamer-0_10-plugins-bad gstreamer-0_10-plugins-ugly gstreamer-0_10-plugins-bad-orig-addon gstreamer-0_10-plugins-good-extra gstreamer-0_10-plugins-ugly-orig-addon gstreamer-0_10-plugins-ffmpeg dvdauthor07 gstreamer-plugins-base gstreamer-plugins-bad gstreamer-plugins-bad-orig-addon gstreamer-plugins-good gstreamer-plugins-ugly gstreamer-plugins-ugly-orig-addon gstreamer-plugins-good-extra gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegdemux gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegmux k3b-codecs h264enc x264 x265 gstreamer-plugins-libav


  Se você utiliza o openSUSE com GNOME e demais ambientes gráficos, execute:

sudo zypper in libxine2-codecs ffmpeg lame gstreamer-0_10-plugins-good gstreamer-0_10-plugins-bad gstreamer-0_10-plugins-ugly gstreamer-0_10-plugins-bad-orig-addon gstreamer-0_10-plugins-good-extra gstreamer-0_10-plugins-ugly-orig-addon gstreamer-0_10-plugins-ffmpeg dvdauthor07 gstreamer-plugins-base gstreamer-plugins-bad gstreamer-plugins-bad-orig-addon gstreamer-plugins-good gstreamer-plugins-ugly gstreamer-plugins-ugly-orig-addon gstreamer-plugins-good-extra gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegdemux gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegmux totem-browser-plugin h264enc x264 x265 gstreamer-plugins-libav


 Para resolver as dependências, você deve aceitar a alteração do fornecedor dos pacotes, como mostrado pela imagem abaixo:

Aceite a alteração do fornecedor de pacotes

 Basta apenas digitar 1 (primeira opção) e pressionar Enter para continuar, ok?

 Após a conclusão do processo, faça uma atualização na distribuição a partir do Repositório Packman com:

sudo zypper dup --from Packman

 Com isso, você conseguirá reproduzir a maioria dos formatos multimídia através dos players do seu sistema!

 Se mesmo após instalar todos os codecs não consiga reproduzir os seus arquivos, experimente remover o cache do Gstreamer na sua pasta pessoal com o comando:

rm /home/$USER/.cache/gstreamer-1.0/*


Suporte à reprodução de DVDs criptografados

 Caso queira (ou precise) reproduzir DVDs criptografados, será necessário adicionar o Repositório "libdvdcss" com o comando:

sudo zypper ar -f http://opensuse-guide.org/repo/openSUSE_Leap_42.3/ DVD

 Importe a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import http://opensuse-guide.org/repo/openSUSE_Leap_42.3/repodata/repomd.xml.key

 E instale o pacote libdvdcss2 com:

sudo zypper in libdvdcss2


Instalando outros players de mídia

 O openSUSE já traz alguns players de mídia na "instalação padrão", como o Amarok e Dragon Player (caso tenha escolhido o KDE como interface gráfica), o Rhythmbox e o Videos (no GNOME), mas caso não queira utilizá-los, abaixo mostro como instalar algumas das opções de players de mídia mais populares no openSUSE:

Instalando o VLC Media Player no openSUSE

 O VLC é o player multimídia mais popular da atualidade, reproduzindo praticamente todos os formatos de áudio e vídeo, bem como DVDs, CDs de áudio, VCDs e vários protocolos de streaming. Instale o VLC no seu openSUSE Leap executando:

sudo zypper in --from Packman vlc vlc-codecs

Instalando o SMPlayer no openSUSE

 O SMPlayer é outro player multimídia (front-end gráfico para o MPlayer) muito popular entre os usuários, que, assim como o VLC, reproduz praticamente todos os formatos de áudio e vídeo, sendo possível procurar, reproduzir e baixar vídeos do YouTube. Para instalar o SMPlayer no openSUSE Leap basta executar:

sudo zypper in smplayer smplayer-lang smplayer-skins smplayer-themes

Instalando o Audacious no openSUSE

 O Audacious é um player de áudio minimalista (fork do Beep Media Player - BMP), focado na baixa utilização de recursos e alta qualidade de áudio. Além de reproduzir os mais variados formatos, ele também oferece suporte às skins do Winamp. Para instalá-lo, execute:

sudo zypper in audacious audacious-lang audacious-plugins audacious-plugins-lang audacious-plugins-extra






Instalando os drivers proprietários para sua placa de vídeo

 O openSUSE (bem como a maioria das distribuições) já disponibiliza os drivers de código aberto para a maioria das placas de vídeo e que funcionam muito bem para a maioria dos usuários. Caso possua uma placa de vídeo da NVIDIA e queira instalar os drivers proprietários da mesma, execute o comando abaixo para adicionar o repositório no sistema (procedimento recomendado):

sudo zypper ar -f http://download.nvidia.com/opensuse/leap/42.3/ NVIDIA

 Importe a chave de assinatura:

sudo rpm --import http://download.nvidia.com/opensuse/leap/42.3/repodata/repomd.xml.key

 E instale os drivers corretos para a sua placa de vídeo com:

sudo zypper inr

 Após, você deve reiniciar o seu computador para aplicar as mudanças, ok? Para mais detalhes, acesse o link abaixo:

  https://en.opensuse.org/SDB:NVIDIA_drivers


 Já para placas de vídeo da AMD/ATI, o procedimento é um pouco mais "trabalhoso". Confira como instalar os drivers proprietários acessando os links abaixo:

  https://en.opensuse.org/SDB:ATI_drivers
  https://en.opensuse.org/SDB:AMDGPU-PRO
  https://en.opensuse.org/SDB:AMD_fglrx


Instalando o HandBrake

 O HandBrake é software multiplataforma e de código aberto para converter vídeos nos mais diversos formatos e resoluções, sendo possível, também, ripar DVDs e Blu-rays. Para instalar o HandBrake no openSUSE basta executar:

sudo zypper in handbrake-gtk handbrake-gtk-lang

Janela principal do HandBrake sendo executado no openSUSE Leap 42.3 (GNOME)


Instalando o Spotify no openSUSE

 O Spotify é um dos serviços de streaming de músicas online mais populares da atualidade, contando com mais de 30 milhões de músicas no catálogo. Se você é usuário do serviço, confira como instalar o Spotify Client no seu openSUSE Leap acessando:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/12/Instalando-o-Spotify-no-openSUSE-e-no-Fedora.html#opensuse


Instalando o Steam no openSUSE

 O Steam é a mais famosa plataforma de distribuição de jogos digitais desenvolvida pela Valve e está disponível nos repositórios oficiais do openSUSE Leap. Para instalá-lo, basta executar:

sudo zypper in steam

 Após, execute o Steam através do atalho criado no seu menu de aplicativos (na sessão "Jogos'), aceite o Contrato de Licença e aguarde enquanto os componentes necessários são baixados.

Steam sendo executado no openSUSE Leap 42.3 (GNOME)

 Para mais informações (e solução de problemas), acesse:

  https://en.opensuse.org/Steam


Instalando o Skype no openSUSE

 O Skype é um aplicativo que permite fazer chamadas de voz e vídeo, enviar mensagens instantâneas e de texto (SMS) para outras pessoas de qualquer lugar do mundo. Confira, no link abaixo, como instalar a versão mais recente do Skype no openSUSE Leap 42.3:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/06/Instalando-Skype-no-openSUSE-e-Fedora.html


Instalando o Telegram Desktop no openSUSE

 O Telegram é um aplicativo de mensagens instantâneas baseado na nuvem, tem foco na segurança e velocidade e é de código aberto. Veja como instalar o Telegram Desktop no seu openSUSE acessando o nosso outro tutorial:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/10/Telegram-Desktop-no-openSUSE-e-Fedora.html

 Aproveite e siga o canal oficial do Blog Opção Linux no Telegram para ficar informado sobre os novos posts publicados, acesse o link https://t.me/BlogOpcaoLinux ou pesquise por @blogopcaolinux na caixa de busca do mesmo. :)

 Participe também do Grupo de usuários do openSUSE no Telegram (openSUSE Brasil), basta acessar o link https://t.me/opensusebr ou busque por @opensusebr.

Instalando o MEGA Sync no openSUSE

 O MEGA é um serviço de armazenamento e hospedagem de arquivos em nuvem fundado por Kim Dotcom. Se você é usuário desse serviço, acesse o link abaixo que contém o passo a passo de instalação do MEGA Sync:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/02/Instalando-o-MEGA-Sync-no-openSUSE-e-Fedora.html


Instalando o Dropbox no openSUSE

 O Dropbox é um dos serviços de armazenamento e backup de arquivos na nuvem mais utilizados atualmente. Se você é usuário desse serviço e deseja instalar o Dropbox Client no seu openSUSE, acesse o link abaixo e confira o passo a passo:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/05/Instalando-o-Dropbox-no-openSUSE-e-Fedora.html


Instalando um gerenciador de downloads e um cliente de torrents

 É sempre bom ter um gerenciador de downloads e um cliente de torrents instalado no sistema, principalmente se você é como eu, que sempre está baixando ISOs de outras distribuições Linux para testar. Abaixo mostro como instalar as duas opções que mais utilizo.

Instale o uGet no openSUSE

 O uGet é um gerenciador de downloads de código aberto e multiplataforma; ele é leve, fácil de usar e conta com vários recursos, dentre eles estão o monitoramento da área de transferência, gerenciamento avançado de categorias, download de arquivos em lotes e muito mais. Para instalá-lo basta executar:

sudo zypper in uget uget-lang

Janela principal do uGet Download Manager no openSUSE Leap 42.3 (GNOME)

Instale o qBittorrent no openSUSE

 Como o próprio nome sugere, o qBittorrent é um cliente de torrent multiplataforma e de código aberto, um dos melhores da atualidade. Ele é leve, tem uma interface bonita (semelhante ao uTorrent), é fácil de usar e possui várias funcionalidades, uma delas é o sistema de busca por torrents integrado (que realmente funciona). Para instalar o qBittorrent no openSUSE, basta executar:

sudo zypper in qbittorrent

qBittorrent sendo executado no openSUSE Leap 42.3 (GNOME)


Suporte para extração e criação de arquivos compactados

 Várias ferramentas para criação e extração dos mais variados formatos de arquivos já vem instaladas por padrão no openSUSE. Porém, caso não tenha certeza se estas ferramentas estão presentes no seu sistema, basta executar o comando abaixo para instalá-las:

sudo zypper in bzip2 cabextract lhasa lzip p7zip rar unrar unzip zip


Instalando o Oracle VM VirtualBox no openSUSE

 O VirtualBox é um dos softwares de virtualização de sistemas operacionais mais populares da atualidade, e para instalá-lo no openSUSE é bem fácil, confira como acessando o link abaixo:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/01/instalando-oracle-virtualbox-opensuse.html



Instalando navegadores populares no openSUSE

 O Mozilla Firefox ainda é um dos navegadores mais utilizados atualmente e já vem instalado por padrão no openSUSE (e na maioria das distribuições Linux). Porém, caso não queira utilizá-lo, abaixo mostro como instalar alguns dos mais populares navegadores:

Instalando o Chromium no openSUSE Leap

 O Chromium é o navegador de código aberto mantido pela Google (ele serve de "base" para o Google Chrome e também vários outros navegadores) e já está nos repositórios oficiais do openSUSE Leap. E para instalar o Chromium é fácil, basta executar no terminal:

sudo zypper in chromium


Instalando o Google Chrome no openSUSE Leap

 O Google Chrome é o navegador mais utilizado no Brasil e no mundo atualmente. Para instalar o Google Chrome no openSUSE, basta executar os comandos a seguir:

 Adicione o repositório do Google Chrome no sistema:

sudo zypper ar -f http://dl.google.com/linux/chrome/rpm/stable/x86_64/ Google

 Importe a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import https://dl.google.com/linux/linux_signing_key.pub

 E instale o Google Chrome (estável) com:

sudo zypper in google-chrome-stable


Instalando o Opera no openSUSE Leap

 O Opera é um navegador desenvolvido pela Opera Software e tem o Chromium como "base". Apesar de ser pouco utilizado, ele traz vários recursos e funcionalidades exclusivas, dentre as principais estão o serviço de VPN gratuito e ilimitado, um bloqueador de anúncios "nativo" e a integração com Telegram, WhatsApp e Messenger (Facebook). Para instalar as principais versões do Opera no seu openSUSE, basta acessar o link abaixo e conferir o passo a passo:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/07/Instalando-o-Opera-no-openSUSE-e-no-Fedora.html#opensuse


Instalando o Vivaldi no openSUSE Leap

 O Vivaldi é desenvolvido pela Vivaldi Technologies, empresa fundada pelo ex-CEO da Opera Software. Tendo como base o Chromium, o Vivaldi destaca-se pelas várias opções de personalização, tendo como público alvo os usuários avançados e também os usuários mais "antigos" do Opera (das versões 12.x e anteriores). Caso queira instalá-lo no seu openSUSE Leap, basta executar os comandos abaixo:

 Adicione o repositório do Vivaldi no sistema:

sudo zypper ar -f http://repo.vivaldi.com/archive/rpm/x86_64/ Vivaldi

 Importe a chave de assinatura:

sudo rpm --import http://repo.vivaldi.com/archive/linux_signing_key.pub

 E instale o Vivaldi (estável) com:

sudo zypper in vivaldi-stable

  DICA - Além de instalar o Vivaldi através do repositório oficial, também é possível instalá-lo a partir do Packman, para isso basta executar sudo zypper in vivaldi, ok?!


Instalando o OpenJDK (o Java de código aberto) no openSUSE

 O OpenJDK é uma implementação gratuita e de código aberto da plataforma Java, Standard Edition ("Java SE") e está disponível nos repositórios oficiais de grande parte das distribuições (incluindo o openSUSE).

  Para instalar o ambiente de execução Java (JRE) no openSUSE Leap, basta executar:

sudo zypper in java-1_8_0-openjdk


  Já para instalar o ambiente de desenvolvimento do Java (JDK), execute:

sudo zypper in java-1_8_0-openjdk-devel


Instalando o Oracle Java (JRE/JDK) no Fedora

 Caso queira utilizar o Java da Oracle (proprietário) no seu openSUSE, acesse um dos links abaixo que contém as instruções de instalação do mesmo:

  Para instalar o Oracle Java Runtime Environment (JRE) no openSUSE:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/04/Instalando-o-Oracle-Java-JRE-no-openSUSE.html


  Para instalar o Oracle Java Development Kit (JDK) no openSUSE:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/03/Como-instalar-o-Oracle-Java-JDK-no-openSUSE.html


Instalando o Adobe Flash Player no openSUSE Leap

 A grande maioria dos sites mais acessados atualmente (como, por exemplo, o YouTube) já não "dependem" do Adobe Flash Player para exibir conteúdo multimídia. Porém, caso necessite utilizá-lo, será necessário adicionar o repositório da Adobe no sistema, e para isso basta executar o comando abaixo:

sudo zypper ar --check --refresh http://linuxdownload.adobe.com/linux/x86_64/ Adobe

 Instale o pacote adobe-release-x86_64:

sudo zypper --no-gpg-checks in adobe-release-x86_64

 Importe a chave de assinatura do repositório (fornecida pelo pacote acima):

sudo rpm --import /etc/pki/rpm-gpg/RPM-GPG-KEY-adobe-linux

 E instale o Adobe Flash Player:


  Para o Mozilla Firefox:

sudo zypper in flash-plugin

  Para o Chromium, Opera e Vivaldi:

sudo zypper in flash-player-ppapi


 Após a instalação, você pode verificar se o Flash Player está ativo e funcionando corretamente no seu navegador através do link abaixo, acesse:

  http://www.adobe.com/software/flash/about/

  DICA - Além de instalar o Flash Player através do repositório oficial da Adobe, também é possível instalá-lo a partir do repositório Packman (que você adicionou no início deste tutorial).

 Para isso, basta executar sudo zypper in flash-player (para instalar o Adobe Flash Player no Mozilla Firefox) e/ou sudo zypper in flash-player-ppapi (para instalar o Adobe Flash Player no Chromium, Opera e Vivaldi), ok?!


Instalando outros ambientes gráficos

 O openSUSE disponibiliza os principais ambientes de área de trabalho, sendo possível escolher mais de um no momento da instalação. Caso tenha escolhido apenas o KDE Plasma (por exemplo) e agora quer testar outros ambientes, basta apenas executar um dos comandos abaixo, de acordo com desktop desejado:

  GNOME Desktop

sudo zypper in -t pattern gnome

  Xfce Desktop

sudo zypper in -t pattern xfce

  MATE Desktop

sudo zypper in -t pattern mate

  LXDE Desktop

sudo zypper in -t pattern lxde

  LXQt Desktop

sudo zypper in -t pattern lxqt

  Cinnamon Desktop

 O Cinnamon não está disponível nos repositórios oficiais do openSUSE Leap, sendo necessário adicionar o repositório do mesmo no sistema. Para isso, basta executar:

sudo zypper ar -qry http://download.opensuse.org/repositories/X11:/Cinnamon:/Current/openSUSE_Leap_42.3/X11:Cinnamon:Current.repo

 Importe a chave de assinatura do repositório:

sudo rpm --import http://download.opensuse.org/repositories/X11:/Cinnamon:/Current/openSUSE_Leap_42.3/repodata/repomd.xml.key

 Atualize os repositórios e instale o Cinnamon Desktop com:

sudo zypper ref && sudo zypper in -t pattern cinnamon

  KDE Plasma Desktop

 Já para instalar o KDE Plasma no seu openSUSE Leap (caso não tenha escolhido o mesmo) basta executar:

sudo zypper install -t pattern kde


Instalando novos softwares no openSUSE Leap

 Uma grande quantidade de pacotes está disponível nos repositórios oficiais do openSUSE Leap e também no Repositório Packman. Para instalar novos softwares de um jeito fácil, basta abrir o YaST, clicar em "Gerenciamento de software" (na seção "Software"), pesquisar pelo nome do pacote/software desejado e marcar a caixa de seleção do mesmo para instalá-lo (e após, clicar no botão "Aceitar"):

Janela principal do Gerenciamento de Software do YaST


 Uma outra opção é utilizar a Pesquisa de pacotes do openSUSE acessando o link:

  https://software.opensuse.org/search

 E instalar novos softwares com apenas "1 clique" (1 Click Install):

Pesquisa de pacotes do openSUSE

 Fácil, não?!


 Então é isso, com essas poucas dicas o seu openSUSE Leap 42.3 estará pronto para uso no dia a dia! Caso tenha alguma dúvida, sugestão ou crítica a respeito deste tutorial, basta deixar o seu comentário logo abaixo, ou se preferir, entre em contato conosco!

 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do Blog Opção Linux no seu e-mail, ou siga-nos no Google+, no Twitter ou na nossa página no Facebook! :)

 Muito obrigado pela visita e até o próximo tutorial!


Referências:

Sandro de Castro

Sandro de Castro

Um cara apaixonado por Linux e tecnologia! Sandro é satentusiasta e fundador/mantenedor do Blog Opção Linux, está sempre à procura por novos conhecimentos a fim de ajudar os iniciantes no Linux, desde a instalação das principais distribuições quanto ao uso no dia a dia.



  Olá! Seu comentário é muito importante para nós, portanto, fique à vontade para expressar a sua opinião sobre o post acima em um dos sistemas de comentários disponíveis (Disqus, Blogger/Google ou Facebook). Mas antes de escrever algo, fique atento:

  • É permitido colocar links nos comentários, mas eles serão moderados antes da publicação;
  • A prática de SPAM é proibida. Comentários feitos apenas com a intenção de divulgar um site ou blog serão excluídos;
  • Seja educado! Não é permitido o uso de linguagem imprópria e/ou ofensiva;
  • Evite escrever todo o seu TEXTO EM CAIXA ALTA;
  • Caso queira falar sobre outro assunto (que não tenha relação com esse post), poderá entrar em contato diretamente conosco!

Postar um comentário:

0 Comentários: