Aprenda, neste tutorial, a criar um pen drive de instalação do Windows pelo Linux manualmente.
Como criar um pen drive bootável do Windows pelo Linux

Aprenda, neste tutorial, a criar um pen drive de instalação do Windows pelo Linux manualmente.

 Quem usa Linux a algum tempo e está sempre testando novas distros, sabe que a melhor maneira de gravar uma imagem .ISO ou .IMG de algum sistema operacional em um pen drive é utilizando o terminal e executando o bom e velho dd, como explicamos nesta dica AQUI. Mas este "método" não funciona para gravar uma imagem ISO do Windows no pen drive, apenas de distribuições Linux e de sistemas Unix-like, como o FreeBSD (que, segundo a documentação do mesmo, deve ser utilizado a imagem de disco (.IMG) ao invés da .ISO).

 E um dos únicos programas para criar um pen drive bootável do Windows disponíveis para Linux é o WinUSB, um utilitário simples e de fácil uso (semelhante ao dd), que desde 2012, segundo o site oficial, não recebe atualizações por parte do seu desenvolvedor, o Colin GILLE (Congelli501). Com isso, o usuário "slacka" criou um um fork do WinUSB no GitHub e vem disponibilizando novas versões e correções de bugs, apesar disso, ele nem sempre funciona como deveria, apresentou vários erros na criação de um pen drive bootável nas distribuições que testei (principalmente com suporte a UEFI).
 Por isso, mostro-lhes como criar uma mídia de instalação do Windows no Linux sem o uso de programas, utilizando apenas as ferramentas "nativas" do sistema. Vamos lá então?!

O que você verá neste tutorial:

  Como criar um pen drive bootável do Windows no Linux (para computadores equipados com UEFI)
  Como criar um pen drive bootável do Windows no Linux (para computadores que possuem BIOS) - Página 2
  Como formatar o pen drive bootável após utilizá-lo (utilizando o terminal) - Página 2

Tutorial testado no openSUSE Tumbleweed, openSUSE Leap 42.2 e 42.1, Fedora 25 Workstation e Ubuntu 16.04 LTS, utilizando as ISOs de 64 bits do Windows 10, Windows 8.1 e Windows 7.

Criando um pen drive de instalação do Windows no Linux (para computadores equipados com UEFI)


 Esta etapa descreve o passo a passo de criação da mídia de instalação do Windows para computadores que possuem suporte a UEFI,. Se o seu computador é "antigo" e tenha BIOS, siga o passo a passo da página seguinte, ok?

      ---   FIQUE ATENTO   ---      

LEIA COM ATENÇÃO todos os procedimentos indicados neste tutorial e identifique corretamente o seu pen drive, pois do contrário, poderá causar sérios danos ao(s) seu(s) disco(s) rígido(s). Não nos responsabilizamos por quaisquer perdas de dados.

Recomendo que CONECTE APENAS o pen drive que será utilizado para a criação da mídia de instalação do Windows.

Este tutorial não ensina como criar uma mídia de instalação do Windows 7 compatível com computadores com UEFI e muito menos do Windows XP.

 A primeira coisa a se fazer é "espetar" um pen drive que esteja disponível (de 4GB ou mais) no seu computador (se necessário, faça BACKUP de TODOS os arquivos contidos nele). Após, execute o comando abaixo para identificá-lo:

sudo fdisk -l

 Estou utilizando um pen drive da SanDisk de 8GB, e que, segundo mostrado pelo comando acima, é o disco identificado como /dev/sdc, como mostrado na imagem abaixo:

Identificando o pen drive através do comando fdisk -l
      ---   ATENÇÃO   ---      

Identifique CORRETAMENTE o seu pen drive, pois, caso contrário, poderá destruir todos os dados do seu disco rígido.

Nos comandos a seguir, você deverá substituir o "X" pela letra correspondente ao seu pen drive. No meu caso, por exemplo, é o disco identificado como "/dev/sdc", então preciso trocar o "X" pela letra "c".

 Identificado o pen drive, execute o comando abaixo para escrever zeros (apagar) a MBR do mesmo, substituindo o "X" pela letra correspondente ao seu dispositivo:

sudo dd if=/dev/zero of=/dev/sdX bs=512 count=1 && sync

 Feito isso, vamos criar uma Tabela de partição GPT no dispositivo utilizando o cfdisk, execute:

sudo cfdisk /dev/sdX

 Aparecerá uma tela semelhante a esta abaixo, selecione a opção gpt e tecle Enter:

Selecionando uma nova tabela de partição com o cfdisk

 Após, com a tecla direcional da direita, selecione a opção "Gravar", como destacado na imagem abaixo, e pressione Enter:

Selecione "Gravar" para definir a nova tabela de partição no pen drive

 Confirme as alterações digitando sim e em seguida, tecle Enter::

Escreva "sim" (sem aspas) para confirmar as alterações

 Logo após, crie uma nova partição no pen drive; com a tecla direcional da esquerda, selecione a opção "Nova" e tecle Enter, como mostrado na imagem abaixo:

Criando uma nova partição no dispositivo

 Na etapa seguinte basta pressionar Enter para definir o Tamanho da partição, que, neste caso, vamos utilizar todo o espaço livre no pen drive:

Selecione o tamanho dessa partição apenas pressionando Enter

 Em seguida, altere o Tipo da partição. Com as teclas direcionais, selecione a opção "Tipo", como mostrado na imagem abaixo, e pressione Enter:

Defina o Tipo dessa nova partição

 Com a tecla direcional para baixo, selecione o tipo de partição "Microsoft dados básico" e após, tecle Enter:

Escolha a opção "Microsoft dados básico" e tecle Enter

 Selecione a opção "Gravar" com a tecla direcional da direita e pressione Enter:

Clique em "Gravar" para salvar as alterações

 Digite sim para confirmar as alterações realizadas e pressione Enter:

Escreva "sim" (sem aspas) e tecle Enter para confirmar as alterações

 E selecione a opção "Sair" para sair do cfdisk (obviamente):

Saia do cfdisk selecionando a opção "Sair"

 Feito isso, ainda no terminal, desmonte a partição do seu pen drive (caso esteja montada) com:

sudo umount /dev/sdX1

 Formate a partição criada anteriormente em FAT32 com o comando:

sudo mkfs.vfat -F32 /dev/sdX1

 Crie a pasta ISO-WIN em /media para montar a ISO do Windows:

sudo mkdir /media/ISO-WIN

 E também a pasta PEN-DRIVE em /media, onde vamos montar o pen drive:

sudo mkdir /media/PEN-DRIVE

 Monte a ISO do Windows no diretório ISO-WIN com o comando:

sudo mount -o loop '/pasta/onde/está/a/imagem.iso' /media/ISO-WIN/

 No meu caso, como a ISO do Windows 10 está na pasta "Downloads", o comando ficou assim:

### EXEMPLO DE COMO FICOU O COMANDO NO MEU CASO ###
sudo mount -o loop '/home/sandro/Downloads/Win10_1607_BrazilianPortuguese_x64.iso' /media/ISO-WIN/

 Monte o pen drive com o comando:

sudo mount /dev/sdX1 /media/PEN-DRIVE/

 E em seguida, execute o comando abaixo para copiar todos os arquivos da ISO do Windows que foi montada na pasta ISO-WIN para a pasta PEN-DRIVE (onde o seu pen drive está montado):

sudo cp -v -r /media/ISO-WIN/* /media/PEN-DRIVE/ && sync

 Esse processo leva em torno de 5 a 10 minutos (ou mais) para concluir e poderá "travar" o seu PC em alguns momentos, mas somente nos primeiros minutos. Vá até a cozinha e tome um café enquanto isso! :)






 Assim que o processo terminar, desmonte a ISO do Windows com o comando:

sudo umount /media/ISO-WIN

 Desmonte também o seu pen drive:

sudo umount /media/PEN-DRIVE

 Remova a pasta onde a ISO estava montada:

sudo rm -r /media/ISO-WIN/

 E a pasta onde o pen drive estava montado:

sudo rm -r /media/PEN-DRIVE/

 Agora é só salvar os seus trabalhos, reiniciar o seu computador e dar boot pelo pen drive de instalação do Windows! Mas antes, talvez seja necessário configurar o seu computador para dar boot pelo pen drive, assista o vídeo abaixo, do canal Sayro Digital, que explica esse processo:


 Seu computador é de um modelo mais "antigo" e não possui suporte a UEFI? Confira então como criar um pen drive bootável do Windows compatível com equipamentos que possuem BIOS acessando a próxima página!
    Este tutorial está dividido em duas páginas, para acessar a página seguinte basta clicar no número 2 logo abaixo, ok?!

Criando um pen drive de instalação do Windows no Linux (para computadores que possuem BIOS)


 Esta etapa descreve o passo a passo de criação da mídia de instalação do Windows para computadores mais "antigos" que possuem BIOS. Caso o seu computador tenha UEFI, você deverá seguir o tutorial da página anterior, ok?

      ---   FIQUE ATENTO   ---      

LEIA COM ATENÇÃO todos os procedimentos indicados neste tutorial e identifique corretamente o seu pen drive, pois do contrário, poderá causar sérios danos ao(s) seu(s) disco(s) rígido(s). Não nos responsabilizamos por quaisquer perdas de dados.

Recomendo que CONECTE APENAS o pen drive que será utilizado para a criação da mídia de instalação do Windows.

Este tutorial não ensina como criar uma mídia de instalação do Windows 7 compatível com computadores com UEFI e muito menos do Windows XP.

 A primeira coisa a se fazer é "espetar" um pen drive que esteja disponível (de 4GB ou mais) no seu computador (se necessário, faça BACKUP de TODOS os arquivos contidos nele). Após, execute o comando abaixo para identificá-lo:

sudo fdisk -l

 Estou utilizando um pen drive da SanDisk de 8GB, e que, segundo mostrado pelo comando acima, é o disco identificado como /dev/sdc, como mostrado na imagem abaixo:

Identificando o pen drive através do comando fdisk -l

      ---   ATENÇÃO   ---      

Identifique CORRETAMENTE o seu pen drive, pois, caso contrário, poderá destruir todos os dados do seu disco rígido.

Nos comandos a seguir, você deverá substituir o "X" pela letra correspondente ao seu pen drive. No meu caso, por exemplo, é o disco identificado como "/dev/sdc", então preciso trocar o "X" pela letra "c".

 Identificado o pen drive, execute o comando abaixo para escrever zeros (apagar) a MBR do mesmo, substituindo o "X" pela letra correspondente ao seu dispositivo:

sudo dd if=/dev/zero of=/dev/sdX bs=512 count=1 && sync

 Feito isso, vamos criar uma nova Tabela de partição MBR no dispositivo utilizando o cfdisk, execute:

sudo cfdisk /dev/sdX

 Aparecerá uma tela semelhante a esta abaixo, selecione a opção dos e tecle Enter:

Selecionando uma nova tabela de partição com o cfdisk

 Após, com a tecla direcional da direita, selecione a opção "Gravar", como destacado na imagem abaixo, e pressione Enter:

Selecione "Gravar" para definir a nova tabela de partição no pen drive

 Confirme as alterações digitando sim e em seguida, tecle Enter::

Confirme as alterações escrevendo "sim" (sem aspas)

 Logo após, crie uma nova partição no pen drive; com a tecla direcional da esquerda, selecione a opção "Nova" e tecle Enter, como mostrado na imagem abaixo:

Criando uma nova partição no dispositivo

 Na etapa seguinte basta pressionar Enter para definir o Tamanho da partição, que, neste caso, vamos utilizar todo o espaço livre no pen drive:

Selecione o tamanho dessa partição apenas pressionando "Enter"

 Em seguida, escolha a opção "Primária" e tecle Enter:

Defina esta partição como primária

 Com as teclas direcionais, selecione a opção "Tipo" para definir o Tipo da partição, como mostrado na imagem abaixo, e pressione Enter:

Defina o tipo para esta nova partição

 Com a tecla direcional para baixo, selecione o tipo de partição "FAT32 W95 (LBA)" e após, tecle Enter:

Escolha a opção "FAT32 W95 (LBA)" e tecle "Enter"

 Defina a partição inicializável selecionando a opção "Iniciali." e pressione Enter:

Marque a partição como inicializável

 Selecione a opção "Gravar" com a tecla direcional da direita e pressione Enter:

Selecione "Gravar" para salvar as alterações realizadas

 Digite sim para confirmar as alterações realizadas e pressione Enter:

Escreva "sim" (sem aspas) para confirmar as alterações

 E por fim, selecione a opção "Sair" para (obviamente) sair do cfdisk:

E saia do cfdisk selecionando a opção "Sair"

 Feito isso, ainda no terminal, desmonte a partição do seu pen drive (caso esteja montada) com:

sudo umount /dev/sdX1

 Formate a partição criada anteriormente em FAT32 com o comando abaixo (troque o "X" pela letra que corresponde ao seu dispositivo):

sudo mkfs.vfat -F32 /dev/sdX1

 Crie a pasta ISO-WIN em /media para montar a ISO do Windows:

sudo mkdir /media/ISO-WIN

 E também a pasta PEN-DRIVE em /media, onde vamos montar o pen drive:

sudo mkdir /media/PEN-DRIVE

 Monte a ISO do Windows no diretório ISO-WIN com o comando:

sudo mount -o loop '/pasta/onde/está/a/imagem.iso' /media/ISO-WIN/

 No meu caso, como a ISO do Windows 10 está na pasta "Downloads", o comando ficou assim:

### EXEMPLO DE COMO FICOU O COMANDO NO MEU CASO ###
sudo mount -o loop '/home/sandro/Downloads/Win10_1607_BrazilianPortuguese_x64.iso' /media/ISO-WIN/

 Monte o pen drive com o comando:

sudo mount /dev/sdX1 /media/PEN-DRIVE/

 E logo após, execute o comando abaixo para copiar todos os arquivos da ISO do Windows que foi montada na pasta ISO-WIN para a pasta PEN-DRIVE (onde o seu pen drive está montado):

sudo cp -v -r /media/ISO-WIN/* /media/PEN-DRIVE/ && sync

 Esse processo leva em torno de 5 a 10 minutos (ou mais) para concluir e poderá "travar" o seu PC em alguns momentos, mas somente nos primeiros minutos. Vá até a cozinha e tome um café enquanto isso! :)






 Assim que o processo terminar, execute um dos comandos abaixo, de acordo com sua distribuição, para instalar o GRUB no pen drive (lembrando mais uma vez que você deve substituir o "X" pela letra que corresponde ao seu dispositivo):

- No openSUSE, Fedora e sistemas derivados:

sudo grub2-install --target=i386-pc --boot-directory=/media/PEN-DRIVE/boot /dev/sdX

- No Debian, Ubuntu e sistemas derivados:

sudo grub-install --target=i386-pc --boot-directory=/media/PEN-DRIVE/boot /dev/sdX

 E após, adicione o arquivo de configuração do GRUB que fará com que o Windows dê boot, copie e cole todo o conteúdo abaixo e pressione Enter em seguida:

- No openSUSE, Fedora e sistemas derivados:

sudo tee /media/PEN-DRIVE/boot/grub2/grub.cfg <<EOT
set menu_color_normal=white/black
set menu_color_highlight=black/light-gray
menuentry 'Iniciar a instalacao do Windows' {
 ntldr /bootmgr
}

menuentry 'Iniciar a partir do disco rigido' {
    insmod ntfs
    insmod chain
    insmod part_msdos
    insmod part_gpt
    set root=(hd1)
    chainloader +1
}
EOT

- No Debian, Ubuntu e sistemas derivados:

sudo tee /media/PEN-DRIVE/boot/grub/grub.cfg <<EOT
set menu_color_normal=white/black
set menu_color_highlight=black/light-gray
menuentry 'Iniciar a instalacao do Windows' {
 ntldr /bootmgr
}

menuentry 'Iniciar a partir do disco rigido' {
    insmod ntfs
    insmod chain
    insmod part_msdos
    insmod part_gpt
    set root=(hd1)
    chainloader +1
}
EOT

 Tudo pronto! Execute o comando abaixo para desmontar a imagem ISO do Windows:

sudo umount /media/ISO-WIN

 Desmonte também o seu pen drive:

sudo umount /media/PEN-DRIVE

 Remova a pasta onde a ISO estava montada:

sudo rm -r /media/ISO-WIN/

 E também a pasta onde o pen drive estava montado:

sudo rm -r /media/PEN-DRIVE/

 Agora é só salvar os seus trabalhos, reiniciar o seu computador e dar boot pelo pen drive de instalação do Windows!

OBS.: Talvez seja necessário configurar o seu computador para dar boot pelo pen drive, assista o vídeo abaixo, do canal Sayro Digital, que explica esse processo:




Como formatar o pen drive bootável após utilizá-lo (utilizando o terminal)


 Já instalou o Windows e deseja voltar a utilizar normalmente para guardar os seus arquivos? Então basta acessar a nossa dica abaixo, que mostra como formatar o pen drive pelo Linux:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/08/como-formatar-um-pen-drive-pelo-terminal-linux.html


 Então é isso, espero que este tutorial seja útil para você! Caso tenha alguma dúvida, sugestão ou crítica, basta deixar o seu comentário logo abaixo (utilizando o Disqus, sua conta do Google/Blogger ou o sistema de comentários do Facebook), ou se preferir, entre em contato conosco!

 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do Blog Opção Linux no seu e-mail, ou siga-nos no Google+, no Twitter ou na nossa página no Facebook! :)

 Muito obrigado pela visita e até o próximo tutorial!


Referências:



    Este artigo está dividido em duas páginas, acesse a página anterior clicando no número 1 logo abaixo, ok?!
Sandro de Castro

Sandro de Castro

Um cara apaixonado por Linux e tecnologia! Sandro é satentusiasta e fundador/mantenedor do Blog Opção Linux, está sempre à procura por novos conhecimentos a fim de ajudar os iniciantes no Linux, desde a instalação das principais distribuições quanto ao uso no dia a dia.



  Olá! Seu comentário é muito importante para nós, portanto, fique à vontade para expressar a sua opinião sobre o post acima em um dos sistemas de comentários disponíveis (Disqus, Blogger/Google ou Facebook). Mas antes de escrever algo, fique atento:

  • É permitido colocar links nos comentários, mas eles serão moderados antes da publicação;
  • A prática de SPAM é proibida. Comentários feitos apenas com a intenção de divulgar um site ou blog serão excluídos;
  • Seja educado! Não é permitido o uso de linguagem imprópria e/ou ofensiva;
  • Evite escrever todo o seu TEXTO EM CAIXA ALTA;
  • Caso queira falar sobre outro assunto (que não tenha relação com esse post), poderá entrar em contato diretamente conosco!

Postar um comentário:

0 Comentários: