Guia de pós-instalação do openSUSE Leap 15.3

Confira algumas dicas do que fazer após a instalação do openSUSE Leap 15.3, como a instalação dos codecs, do Steam, Spotify, do Google Chrome e mais!

Guia de pós-instalação do openSUSE Leap 15.3

 Após quase 8 meses em desenvolvimento, o Projeto openSUSE disponibilizou no dia 2 de junho de 2021 a mais recente versão estável do openSUSE Leap 15.3, tendo suporte a correções de erros, patches de segurança e atualizações por aproximadamente 18 meses (até dezembro de 2022).

 Contando com Linux Kernel 5.3 e por se tratar de uma "minor release" da série 15.x, esta versão vem com poucas novidades em relação às anteriores. Um dos maiores destaques desta versão é que a partir deste lançamento a construção do Leap terá os mesmos pacotes binários do SUSE Linux Enterprise, proporcionando aos usuários milhares de pacotes e suporte de uma imensa comunidade. Além disso, o openSUSE Leap 15.3 traz os ambientes de área de trabalho KDE Plasma na versão 5.18.6 LTS, GNOME Shell 3.34 e Xfce 4.16, bem como outras atualizações de softwares como o Mozilla Firefox 78.7.1 (ESR), Chromium 89, Suíte de Escritório LibreOffice 7.1.1, GNU Health 3.8 e muito mais. Você pode conferir mais detalhes desta versão clicando aqui.

 E como é de praxe, preparamos este guia com algumas sugestões do que fazer depois de instalar o openSUSE Leap 15.3 para deixá-lo pronto para uso no dia a dia, dentre as dicas estão a inclusão do repositório Packman, a instalação dos codecs multimídia e de programas populares como o VLC Media Player, o Spotify, GIMP, Discord e Skype, além de navegadores como o Google Chrome e Microsoft Edge, ferramentas para devs como o Android Studio, PyCharm e muito mais!

    • [message]
      • ##check##   Aviso
        •   Tutorial testado no openSUSE Leap 15.3 com o ambiente de área de trabalho KDE Plasma 5.18.6.


Os principais tópicos deste tutorial:




  Atualizando o sistema

 Um procedimento básico (mas muito importante) que devemos fazer após instalar qualquer sistema operacional é buscar pelas mais recentes atualizações de pacotes e correções de bugs. No openSUSE Leap não é diferente, e você tem duas opções para fazer isso:

    Pelo terminal (recomendado):


 A maneira mais fácil e prática (pelo menos na minha opinião) de atualizar o openSUSE Leap é pela linha de comando utilizando o zypper (que é a ferramenta de gerenciamento de pacotes e repositórios do openSUSE e SUSE Linux Enterprise). Para isso, abra um terminal e execute o comando:

sudo zypper ref && sudo zypper up

 O comando acima fará a atualização dos repositórios e mostrará em seguida todas as atualizações de pacotes disponíveis. Você terá que digitar s (Sim) ou y (Yes) para aceitar e pressionar Enter em seguida para baixar e instalar as atualizações, ok?!

Atualizando o openSUSE Leap 15.3 pelo terminal

 Assim que a atualização for concluída você deverá reiniciar o seu computador para que as alterações sejam aplicadas, ok?!


    Atualizando o openSUSE pelo YaST:


 Uma outra opção para atualizar o seu openSUSE é utilizando o módulo "Atualização Online" do YaST (Yet another Setup Tool), que é a ferramenta de instalação e configuração do openSUSE e do SUSE Linux Enterprise.

 Caso queira usar essa opção, pressione a tecla Super / para acessar o Menu de Aplicativos do sistema, pesquise por "atualização" e clique em "YaST Atualização Online" para executá-lo (será necessário informar a sua senha):

Pesquise por YaST Atualização Online no menu de aplicativos

 Na tela seguinte, na aba Resumo da Instalação, serão exibidas as atualizações disponíveis no momento. Para instalá-las, basta clicar no botão "Aceitar":

Em 'Resumo da instalação' serão listadas todas as atualizações disponíveis

 Agora é só aguardar o download e instalação das atualizações:

Aguarde enquanto é feito o download e a instalação das atualizações

 Assim que a atualização for concluída você deverá reiniciar o seu computador para que as alterações sejam aplicadas, ok?!


  Fazendo pequenos "ajustes"

 Aqui nesta seção você encontrá algumas dicas e sugestões de pequenos ajustes a serem feitos, como alterar a configuração de abertura de pastas e arquivos, reduzir o uso da Swap pelo sistema e como instalar novos ambientes de área de trabalho.

  Habilitar o duplo clique para abrir pastas no KDE


 Uma coisa que pode incomodar quem já está acostumado com outros ambientes gráficos (ou mesmo utiliza Windows) é a opção de um clique para abrir pastas e arquivos em geral que vem habilitada por padrão no desktop KDE Plasma.

 Caso queira alterar essa opção, pressione a tecla para acessar o Menu de Aplicativos e clique em "Configurações do sistema" (que é o aplicativo de ajustes do KDE Plasma):

Abra o menu de aplicativos e clique em 'Configurações do sistema'

 Na janela inicial do "Configurações do sistema" clique em "Comportamento do espaço de trabalho":

Clique em 'Comportamento do espaço de trabalho'

 E em "Comportamento geral"    "Comportamento do clique" basta selecionar a opção "Clique duplo para abrir arquivos e pastas" como destacado pela imagem a seguir. Feito isso, clique no botão "Aplicar" para salvar esta alteração:

Selecione a opção 'Clique duplo para abrir arquivos e pastas' e clique em 'Aplicar'



  Alterando o valor da swappiness


 Swappiness é um parâmetro que controla a tendência do Kernel Linux de mover os processos da memória RAM para a Swap (em disco). Por padrão, o valor da swappiness é 60 (podendo variar de 0 a 100), sendo que quanto maior o valor mais agressivo será o uso da Swap em disco.

 Caso queira alterar o valor padrão da swappiness (proporcionando assim um melhor desempenho do seu sistema), abra um terminal e execute o comando abaixo para editar o arquivo de configuração em "/etc/sysctl.conf" (utilizando o nano):

sudo nano /etc/sysctl.conf

 Com a tecla direcional navegue até o fim do arquivo e justamente no final dele adicione a linha:

vm.swappiness=10

 Veja como ficou o meu arquivo :

Alterando o valor da swappiness para 10

 Feito isso, pressione as teclas Ctrl + O para salvar o arquivo de configuração, Enter para confirmar e Ctrl + X para sair do nano.
 Para que essa alteração tenha efeito será necessário reiniciar o seu computador, ok?!



  Otimizando a vida útil da bateria de seu notebook com o TLP


  Uma dica para quem instalou o openSUSE Leap num notebook é instalar o TLP, um utilitário que ajuda a extender a vida útil da bateria dos portáteis. Apesar de não ter uma interface gráfica, as configurações padrões do TLP já são otimizadas para a duração da bateria, basta instalar e esquecer.

 Se você usa um notebook/netbook e queira instalar o TLP no seu openSUSE Leap 15.3, basta executar o comando abaixo:

sudo zypper in tlp tlp-rdw

 O serviço será iniciado automaticamente após a primeira reinicialização do sistema, mas caso já queira ativá-lo basta executar o comando a seguir:

sudo systemctl enable tlp & sudo tlp start

 Mais detalhes sobre o uso do TLP estão disponíveis na documentação oficial, acesse:

TLP - Optimize Linux Laptop Battery Life  



  Instalando outros ambientes gráficos no openSUSE Leap 15.3


 Instalou o openSUSE Leap 15.3 (com o desktop KDE Plasma) e deseja testar os outros desktops alternativos? Então é simples, basta executar um dos comandos abaixo para instalar os principais ambientes de área de trabalho no seu openSUSE, sem a necessidade de reinstalar o sistema:

  Para instalar o Cinnamon Desktop:

sudo zypper in -t pattern cinnamon

  Para instalar o Enlightenment Desktop:

sudo zypper in -t pattern enlightenment


  Para instalar o GNOME Desktop:

sudo zypper in -t pattern gnome

  Para instalar o LXDE Desktop:

sudo zypper in -t pattern lxde

  Para instalar o LXQt Desktop:

sudo zypper in -t pattern lxqt

  Para instalar o MATE Desktop:

sudo zypper in -t pattern mate

  Para instalar o Xfce Desktop:

sudo zypper in -t pattern xfce


 Caso não tenha escolhido o KDE durante o processo de instalação e deseja testá-lo agora, basta executar o comando abaixo para instalar o KDE Plasma Desktop no openSUSE Leap 15.3:

sudo zypper in -t pattern kde


 Após a instalação você deve reiniciar o computador para que as alterações sejam aplicadas.
 Você pode alternar entre o antigo e o novo ambiente de área de trabalho recém-instalado na tela de login.



  Adicionando o Repositório Packman

 Um dos principais repositórios disponíveis para o openSUSE é sem sombra de dúvidas o Packman, já que ele concentra a grande maioria dos softwares e pacotes que não podem ser disponibilizados nos repositórios oficiais, principalmente os codecs para reprodução tanto de áudio como de vídeo.

 Para adicionar o repositório Packman no Leap 15.3 é simples, basta copiar e colar o comando abaixo num terminal:

sudo zypper ar -cfp 90 'https://ftp.gwdg.de/pub/linux/misc/packman/suse/openSUSE_Leap_15.3/' packman

Adicionando o repositório Packman no openSUSE Leap 15.3

 Feito isso, importe a chave de assinatura do Packman com o comando:

sudo rpm --import http://ftp.gwdg.de/pub/linux/misc/packman/suse/openSUSE_Leap_15.3/repodata/repomd.xml.key

 E por fim, atualize a lista de repositórios:

sudo zypper ref







  Adicionando o repositório Flathub (Flatpak)


 Flatpak é um sistema de gerenciamento de pacotes de código aberto e gratuito para Linux que funciona de forma totalmente independente da distribuição e dos gerenciadores de pacotes (como o zypper, dnf, apt e outros), permitindo assim a instalação de softwares no formato flatpak em qualquer distribuição Linux.

 O openSUSE Leap já possui suporte à Flatpaks por padrão, mas por garantia, execute o comando abaixo para verificar se o pacote 'flatpak' está instalado no seu sistema:

sudo zypper in flatpak

 E para conseguirmos instalar aplicativos neste formato no openSUSE Leap 15.3 precisamos adicionar o repositório do Flathub, que é a principal e maior fonte de Flatpaks atualmente, contando uma grande variedade de softwares que geralmente não são incluídos nos repositórios oficiais das distros. Execute o comando abaixo para adicioná-lo no seu sistema:

flatpak remote-add --if-not-exists flathub https://flathub.org/repo/flathub.flatpakrepo



  Instalando o driver da NVIDIA no openSUSE Leap 15.3


 O openSUSE, assim como a maioria das distribuições Linux, já disponibiliza e instala automaticamente os drivers de código aberto para a maioria dos dispositivos de hardware, como as placas de vídeo.

 No caso da NVIDIA, o driver open source para as suas placas é conhecido como "Nouveau", que funciona muito bem para a maioria dos usuários "comuns" (que só usam o computador para tarefas simples, como acessar a internet, editar textos, ouvir músicas, etc.). Porém, se deseja aproveitar todo o potencial da sua placa de vídeo para rodar jogos ou trabalhar com programas gráficos (como os de modelagem 3D), por exemplo, o ideal é utilizar o driver proprietário da NVIDIA.

 Se você possui uma placa da NVIDIA e queira instalar o driver proprietário da mesma, abra um terminal e cole o comando abaixo para adicionar o repositório oficial no sistema:

sudo zypper ar -f http://download.nvidia.com/opensuse/leap/15.3/ NVIDIA

Adicionando o repositório da NVIDIA no openSUSE Leap 15.3

 Importe também a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import http://download.nvidia.com/opensuse/leap/15.3/repodata/repomd.xml.key

 Atualize a lista de repositórios com:

sudo zypper ref

 E instale o driver proprietário da NVIDIA, de acordo com o modelo de sua placa:

    Para placas da série GeForce 600 e posteriores:


sudo zypper in x11-video-nvidiaG05 nvidia-glG05


    Para placas da série GeForce 400 e posteriores:


sudo zypper in x11-video-nvidiaG04 nvidia-glG04


 No meu caso (que tenho uma GTX 1060), usei o comando referente ao driver das séries GeForce 600 e mais novas, como mostrado na imagem abaixo:

Instalando o driver NVIDIA das séries GeForce 600 no openSUSE Leap 15.3

 Logo após a instalação, você deve reiniciar o seu sistema para que todas as alterações sejam aplicadas.


  Reprodução de Áudio e Vídeo


 Nada como trabalhar no computador ouvindo uma música relaxante ao fundo ou mesmo assistir aos seus vídeos nos momentos de lazer, não é mesmo? Nesta seção mostraremos a instalação dos mais populares players de áudio e vídeo no openSUSE Leap 15.3, bem como a instalação dos codecs multimídia.

  Instalando os codecs no openSUSE Leap 15.3


 Por padrão o openSUSE possui suporte à reprodução somente de formatos livres de royalties e de código aberto como o FLAC, Ogg, Opus, Theora, dentre outros, já que devido a questões legais os codecs para formatos populares como o AAC, MP3, MP4, WMA e outros não podem ser incluídos na mídia de instalação nem nos repositórios oficiais. A solução para esse "problema" é baixar e instalar os codecs necessários para reprodução dos formatos restritos do repositório Packman, que você provavelmente já adicionou no seu sistema (se não, clique aqui e veja o passo a passo).

 Caso queira reproduzir (além dos formatos livres) a maioria dos formatos de áudio e vídeo no seu openSUSE Leap, basta copiar e colar o comando abaixo num terminal:

sudo zypper in --from packman ffmpeg gstreamer-plugins-{good,bad,ugly,libav} libavcodec-full

Instalando os codecs multimídia no openSUSE Leap 15.3



  Suporte à reprodução de DVDs criptografados


 Se você é um dos que ainda assistem/utilizam DVDs, talvez queira habilitar o suporte à reprodução de DVDs criptografados no seu openSUSE Leap. Para isso, será necessário instalar o pacote libdvdcss2 disponível num repositório mantido pelo site "opensuse-guide.org".

 Abra um terminal e adicione o repositório "dvd":

sudo zypper ar -f http://opensuse-guide.org/repo/openSUSE_Leap_15.3/ dvd

 Importe a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import http://opensuse-guide.org/repo/openSUSE_Leap_15.3/repodata/repomd.xml.key

 E por último, instale o pacote libdvdcss2 no Leap 15.3 com:

sudo zypper in libdvdcss2



  Instalando o Audacious


 O Audacious é um player de músicas minimalista (descendente do XMMS) e cheio de recursos, com foco no baixo uso de recursos, alta qualidade de som e suporte a uma grande variedade de formatos de áudio.

Instalando o Audacious no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Audacious no seu Leap 15.3 basta executar o comando abaixo:

sudo zypper in audacious



  Instalando o VLC e/ou o SMPlayer


 Dentre a variedade de players disponíveis para instalação no openSUSE destacam-se o VLC e o SMPlayer. O VLC Media Player é o player multimídia mais popular da atualidade, reproduzindo praticamente todos os formatos de áudio e vídeo, bem como DVDs, CDs de áudio, VCDs e vários protocolos de streaming. O SMPlayer (front-end gráfico para o MPlayer) também é muito popular entre os usuários que, assim como o VLC, reproduz praticamente todos os formatos de áudio e vídeo, tendo como um dos diferenciais a possibilidade de pesquisar, reproduzir e baixar vídeos do YouTube.

VLC Media Player e SMPlayer executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o VLC Media Player ou o SMPlayer no Leap 15.3, basta executar um dos comandos abaixo no terminal:

    Para instalar o VLC Media Player:

sudo zypper in vlc vlc-codecs


    Para instalar o SMPlayer:

sudo zypper in smplayer smplayer-themes



  Instalando o Kodi


 O Kodi é um aplicativo multiplataforma (um centro de entretenimento) que reúne todas as suas mídias digitais num único lugar, tudo isso com uma interface bonita, customizável e fácil de usar.

Kodi executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Kodi no openSUSE Leap basta executar o comando:

sudo zypper in kodi



  Instalando o Spotify


 O Spotify é um dos serviços de streaming de músicas mais populares da atualidade, contando com mais de 30 milhões de músicas no catálogo.

Spotify executando no openSUSE Leap 15.3

 Se você é um dos milhares de usuários do Spotify e deseja instalar o aplicativo oficial do Spotify no openSUSE, execute o comando abaixo num terminal (instalação por Flatpak):

flatpak install flathub com.spotify.Client

 Para realizar esta instalação é necessário já tenha o repositório do Flathub adicionado no seu sistema (caso não tenha, confira clicando aqui)


  Produção/edição de áudio, imagem e de vídeo


 Precisando retocar uma foto ou cortar um vídeo? Você consegue isso e muito mais no openSUSE! Essa é uma seção dedicada para quem deseja criar e/ou editar arquivos de áudio, vídeos e imagens, listando alguns dos principais softwares de código aberto disponíveis para instalação no openSUSE Leap.

  Instalando o Audacity


 O Audacity é um dos mais conhecidos softwares de código aberto e multiplataforma para manipulação e gravação de áudio, contando com recursos simplificados de edição (Recortar, Copiar, Colar e Apagar), remoção de ruídos, mixagem em múltiplas faixas, efeitos de som embutidos (com a possibilidade de adicionar novos através de plugins) e muito mais.

Audacity executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Audacity no openSUSE Leap basta executar o comando abaixo num terminal:

sudo zypper in audacity



  Instalando o Blender


 O Blender é uma poderosa suíte de criação 3D multiplataforma e de código aberto, oferecendo uma ampla gama de ferramentas essenciais como modelagem, renderização, animação, edição e efeitos de vídeo (VFX), composição, texturização, arranjos de animação, diversos tipos de simulações e também criação de jogos.

Blender executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Blender no seu openSUSE basta executar:

sudo zypper in blender



  Instalando o GIMP


 O GIMP é um dos melhores e mais famosos softwares de manipulação e criação de imagens, podendo ser utilizado para tarefas simples como pinturas, desenhos, conversão de formato de imagens e também para procedimentos de manipulação mais complexos como, por exemplo, retoques fotográficos com qualidade profissional. Além disso, é possível adicionar ainda mais recursos ao GIMP com scripts e plugins de terceiros, tais como o G'MIC.

GIMP executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o GIMP no Leap 15.3 é simples, basta executar o comando abaixo num terminal:

sudo zypper in gimp



  Instalando o HandBrake


 O HandBrake é um software usado para ripar DVDs e Blu-rays, além de ser possível converter vídeos nos mais diversos formatos com o mesmo.

HandBrake executando no openSUSE Leap 15.3

 E para instalar o HandBrake no openSUSE Leap é só executar o comando abaixo:

sudo zypper in handbrake-gtk handbrake-gtk-lang



  Instalando o Inkscape


 O Inkscape é um software de código aberto e multiplataforma para criar e editar gráficos vetoriais, utilizado por entusiastas e profissionais de design em todo o mundo para a criação de uma grande variedade de gráficos, tais como ilustrações, ícones, logotipos, diagramas, mapas e gráficos da web.

Inkscape executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Inkscape no openSUSE é simples, apenas execute o comando abaixo:

sudo zypper in inkscape



  Instalando o Kdenlive


 O Kdenlive é um editor de vídeos multitrack e não-linear do Projeto KDE, projetado para atender desde uma simples edição até um trabalho profissional. Com uma interface personalizável (inclusive com temas) e fácil de utilizar, o Kdenlive traz consigo dezenas de efeitos de vídeo e de áudio que variam de correção de cor para ajustes de áudio, bem como todas as opções padrão de transformação.

Kdenlive executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Kdenlive no seu Leap 15.3 basta executar o comando abaixo no terminal:

sudo zypper in kdenlive



  Instalando o Krita


 O Krita é um software multiplataforma para criação de ilustrações e pinturas digitais, histórias em quadrinhos, concept art e animações 2D. Além disso, também é possível utilizá-lo para retoques e manipulação de imagens e conversor de formatos, suportando vários modelos de cores, pinturas HDR e arquivos PSD (do Photoshop).

Krita executando no openSUSE Leap 15.3

 Execute o comando abaixo caso queira instalar o Krita no seu openSUSE:

sudo zypper in krita



  Instalando o OpenShot


 O OpenShot é também um software para edição de vídeos com suporte a vários formatos de áudio e vídeo. Sua interface simples torna muito mais fácil editar e cortar os seus vídeos, além de contar com vários efeitos, transições e títulos animados em 3D (necessário ter o Blender instalado).

OpenShot executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o OpenShot no Leap 15.3 basta executar o comando a seguir no terminal:

sudo zypper in openshot



  Aplicativos para comunicação


 Difícil encontrar alguém que acessa a internet hoje em dia e não faz uso de pelo menos um aplicativo de mensagens instantâneas, seja para o trabalho, para diversão ou apenas conversar com os amigos. Nesta seção você encontrará o passo a passo de instalação dos principais mensageiros e softwares para comunicação disponíveis para o openSUSE Leap.

  Instalando o Discord


 O Discord é um software proprietário de chat de voz e texto, projetado para uso durante jogos, incluindo recursos como baixa latência, servidores de bate-papo de voz gratuitos para usuários e uma infraestrutura de servidor dedicada.

Discord executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Discord no openSUSE Leap basta apenas executar o comando abaixo:

sudo zypper in discord



  Instalando o Skype


 O Skype é um aplicativo proprietário da Microsoft que permite fazer chamadas de voz e vídeo pela internet, além de enviar mensagens instantâneas e de texto (SMS) para outras pessoas de qualquer lugar do mundo.

Skype executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar a versão estável do Skype no openSUSE Leap você deve primeiro adicionar o repositório oficial do mesmo, execute:

sudo zypper ar -f https://repo.skype.com/rpm/stable/skype-stable.repo

 Importe a chave de assinatura do repositório:

sudo rpm --import https://repo.skype.com/data/SKYPE-GPG-KEY

 E instale o Skype com:

sudo zypper in skypeforlinux



  Instalando o Telegram


 O Telegram é um dos serviços de mensagens instantâneas mais populares da atualidade (um concorrente direto ao WhatsApp). Com foco na velocidade e segurança, o Telegram é super rápido, simples de usar, gratuito e o melhor de tudo, é de código aberto!

Telegram executando no openSUSE Leap 15.3

 Se você utiliza e quer instalar o cliente oficial do Telegram no seu openSUSE Leap, execute o comando abaixo no terminal para baixar a versão mais recente do mesmo na sua pasta "Downloads":

cd $HOME/Downloads && wget -O tsetup.tar.xz https://telegram.org/dl/desktop/linux

 Descompacte o arquivo e mova os arquivos resultantes para sua pasta de usuário:

tar -Jxvf tsetup*.tar.xz && mv Telegram .TelegramDesktop && mv .TelegramDesktop /home/$USER

 Crie um link simbólico do Telegram no sistema:

sudo ln -s /home/$USER/.TelegramDesktop/Telegram /usr/bin/telegram

 E execute pela primeira vez o Telegram com:

nohup telegram &

 Após a primeira execução do Telegram pelo terminal (como você viu acima) será criado um atalho do mesmo no Menu de Aplicativos do seu ambiente gráfico, ok?!


  Instalando o Mozilla Thunderbird


 O Thunderbird é um aplicativo gratuito, de código aberto e multiplataforma desenvolvido pela Mozilla, usado para gerenciar e-mails, fontes de notícias, bate-papo e grupos de notícias. Ele é um aplicativo de e-mail local (ao invés de ser baseado em navegador ou na web), poderoso e ao mesmo tempo simples de usar.

Mozilla Thunderbird executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Thunderbird no openSUSE Leap basta apenas executar o comando:

sudo zypper in MozillaThunderbird



  Games e emuladores


 Essa seção é destinada para os amantes dos games que jogam no sistema do pinguim, mostrando o passo a passo de instalação do Steam e de alguns dos principais emuladores de consoles disponíveis para instalação no openSUSE Leap.

  Instalando o Steam no openSUSE Leap 15.3


 O Steam é uma plataforma de distribuição de jogos digitais desenvolvida pela Valve, disponível para Linux, Windows e macOS. Além dos milhares de games no catálogo (muitos são gratuitos para jogar), o Steam também oferece filmes, documentários e vários softwares para edição de fotos, desenvolvimento de jogos, animação e modelagem, produção de áudio/vídeo e muito mais.

Cliente Steam executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Steam no seu Leap 15.3 basta executar:

sudo zypper in steam



  Instalando o Dolphin Emulator


 O Dolphin é um emulador de Nintendo GameCube e Nintendo Wii de código aberto e multiplataforma, disponível para Linux, Windows, macOS e Android. Com ele é possível executar a grande maioria dos jogos lançados para os dois consoles em alta definição com várias melhorias e funcionalidades que não estão presentes nos mesmos, como a compatibilidade com todos os controles de PC, multiplayer em rede, velocidade turbo e muito mais.

Dolphin Emulator executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Dolphin Emulator no seu sistema é só executar o comando abaixo num terminal:

sudo zypper in dolphin-emu



  Instalando outros emuladores de consoles no openSUSE Leap


 Para os fãs de consoles de gerações passadas, listamos logo abaixo mais alguns emuladores disponíveis para instalação (via Flatpak) no openSUSE Leap 15.3.

    Citra - Emulador de Nintendo 3DS:

flatpak install flathub org.citra_emu.citra


    Flycast - Emulador de SEGA Dreamcast:

flatpak install flathub org.flycast.Flycast


    PCSX2 - Emulador de PlayStation 2:

flatpak install flathub net.pcsx2.PCSX2


    RPCS3 - Emulador de PlayStation 3 (experimental):

flatpak install flathub net.rpcs3.RPCS3


    Snes9x - Emulador de Super Nintendo:

flatpak install flathub com.snes9x.Snes9x


    Yuzu - Emulador de Nintendo Switch (experimental):

flatpak install flathub org.yuzu_emu.yuzu



  Navegadores da Internet


 Um dos primeiros softwares que abrimos após a inicialização de qualquer sistema operacional é o navegador da internet. Nesta seção mostramos como instalar os principais e mais populares navegadores da atualidade no openSUSE Leap 15.3, como o Google Chrome e o Microsoft Edge.

  Instalando o Mozilla Firefox (Beta, Developer e Nightly)


 O Mozilla Firefox é um dos navegadores mais populares da atualidade que se destaca pela segurança e na sua privacidade ao navegar pela internet. Ele já vem pré-instalado na maioria das distribuições Linux - incluindo o openSUSE, porém, o Leap mantém uma versão mais "antiga" do Firefox, a 78 ESR (Extended Support Release) justamente para proporcionar uma melhor estabilidade do sistema aos usuários.

 Se você tem interesse em testar as novidades mais recentes do Firefox, a melhor maneira é instalar manualmente as versões Beta, Developer e/ou Nightly no seu openSUSE Leap 15.3. Acesse o link abaixo e confira o passo a passo de instalação destas 3 versões:

Instalando o Mozilla Firefox no openSUSE  



  Instalando o Chromium


 O Chromium é um navegador de código aberto desenvolvido pela Google com foco na estabilidade e velocidade de navegação, servindo de "base" para o Google Chrome e também para a maioria dos navegadores da atualidade.

Chromium executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Chromium no openSUSE Leap basta apenas executar o comando abaixo:

sudo zypper in chromium



  Instalando o Google Chrome


 O Google Chrome é o navegador mais utilizado no Brasil e no mundo atualmente, contando com milhares de aplicativos, extensões e temas disponíveis na Chrome Web Store.

Google Chrome executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Google Chrome no seu openSUSE Leap 15.3, execute primeiro o comando abaixo para importar a chave de assinatura do Google:

sudo rpm --import https://dl.google.com/linux/linux_signing_key.pub

 E instale a versão estável do Google Chrome com:

sudo zypper in 'https://dl.google.com/linux/direct/google-chrome-stable_current_x86_64.rpm'

 A instalação através do pacote .rpm do Chrome irá adicionar automaticamente o repositório oficial do mesmo no seu sistema, ok?!


  Instalando o Microsoft Edge


  O Edge é o novo navegador desenvolvido pela Microsoft inicialmente exclusivo do Windows 10, mas que em 2019 foi reconstruído como um navegador baseado no Chromium. Atualmente apenas a sua versão beta está disponível para Linux, mas em breve também contaremos com a versão estável.

Microsoft Edge executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira testar a versão beta do Edge, você deve copiar e colar todo o conteúdo abaixo num terminal, pressionando Enter em seguida, para adicionar o repositório oficial no seu sistema:

sudo tee /etc/zypp/repos.d/microsoft-edge-beta.repo <<RPMREPO
[microsoft-edge-beta]
name=microsoft-edge-beta
enabled=1
autorefresh=1
baseurl=https://packages.microsoft.com/yumrepos/edge/
gpgcheck=1
gpgkey=https://dl.google.com/linux/linux_signing_key.pub
type=rpm-md
keeppackages=0
RPMREPO

 Feito isso, importe a chave de assinatura do repositório:

sudo rpm --import https://packages.microsoft.com/keys/microsoft.asc

 E instale o Microsoft Edge Beta no openSUSE com:

sudo zypper in microsoft-edge-beta



  Instalando o Opera


 O Opera é um navegador desenvolvido pela Opera Software e tem o Chromium como "base". Apesar de ser pouco utilizado (se comparado ao Chrome), ele traz vários recursos e funcionalidades exclusivas, dentre as principais estão o serviço de VPN gratuito e ilimitado, um bloqueador de anúncios "nativo" e a integração com Telegram, WhatsApp e Messenger (Facebook).

Opera executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o Opera no openSUSE devemos adicionar o repositório oficial no sistema, para isso copie e cole todo o conteúdo abaixo num terminal, pressionando Enter em seguida:

sudo tee /etc/zypp/repos.d/opera.repo <<RPMREPO
[opera]
name=Opera packages
type=rpm-md
baseurl=https://rpm.opera.com/rpm
gpgcheck=1
gpgkey=https://rpm.opera.com/rpmrepo.key
enabled=1
autorefresh=1
keeppackages=0
RPMREPO

 Importe a chave de assinatura do repositório:

sudo rpm --import https://rpm.opera.com/rpmrepo.key

 E instale a versão estável do Opera com:

sudo zypper in opera-stable

 Para mais detalhes, acesse o link abaixo e confira o passo a passo de instalação do Opera no openSUSE:

Instalando o Opera no openSUSE  



  Instalando o Vivaldi


 O Vivaldi é desenvolvido pela Vivaldi Technologies, empresa fundada pelo ex-CEO da Opera Software. Tendo como base o Chromium, o Vivaldi destaca-se pelas várias opções de personalização, tendo como público alvo os usuários avançados e também os usuários mais "antigos" do Opera (das versões 12.x e anteriores).

Vivaldi executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o Vivaldi no seu openSUSE você deve adicionar o repositório oficial no sistema com o comando:

sudo zypper ar -f https://repo.vivaldi.com/archive/vivaldi-suse.repo

 Em seguida importe a chave de assinatura do mesmo:

sudo rpm --import https://repo.vivaldi.com/archive/linux_signing_key.pub

 E instale a versão estável do Vivaldi com:

sudo zypper in vivaldi-stable



  Ferramentas para desenvolvedores


 Esta seção é destinada para os desenvolvedores que utilizam Linux e/ou estão migrando para o openSUSE Leap, mostrando o passo a passo de instalação de algumas das principais ferramentas e softwares mais utilizados.

  Instalando o OpenJDK


 O OpenJDK é uma implementação gratuita e de código aberto da plataforma Java Standard Edition ("Java SE"), disponível nos repositórios oficiais da maioria das distribuições Linux. O openSUSE Leap já vem com o ambiente de execução (JRE) do OpenJDK pré-instalado por padrão, e você pode verificar a versão executando o comando abaixo num terminal:

java --version

 A saída será semelhante a da imagem abaixo (caso tenha alguma versão do Java instalada):

Verificando a versão do Java instalada pelo terminal

 Nos repositórios do openSUSE Leap você encontrará outras versões do OpenJDK disponíveis para instalação, execute o comando abaixo para listá-las:

sudo zypper se openjdk

 No momento da criação deste tutorial haviam 4 versões disponíveis para instalação (OpenJDK 8, 9, 10 e 11).


 Dito isso, confira abaixo como instalar a versão adequada do Java no seu sistema.

  Para instalar o ambiente de execução Java (JRE) no openSUSE:


 O comando de instalação deverá seguir o seguinte padrão:

sudo zypper in <java-versão-openjdk>

 Exemplos:

  Para o OpenJDK 8:

sudo zypper in java-1_8_0-openjdk

  Para o OpenJDK 9:

sudo zypper in java-9-openjdk

  Para o OpenJDK 10:

sudo zypper in java-10-openjdk

  Para o OpenJDK 11:

sudo zypper in java-11-openjdk


  Já para instalar o ambiente de desenvolvimento do Java (JDK) no openSUSE:


 O comando de instalação deverá seguir o seguinte padrão:

sudo dnf install <java-versão-openjdk-devel>

 Exemplos:

  Para o OpenJDK 8:

sudo zypper in java-1_8_0-openjdk-devel

  Para o OpenJDK 9:

sudo zypper in java-9-openjdk-devel

  Para o OpenJDK 10:

sudo zypper in java-10-openjdk-devel

  Para o OpenJDK 11:

sudo zypper in java-11-openjdk-devel



  Instalando o Oracle Java


 Caso queira ou tenha necessidade de utilizar o Oracle Java (proprietário) no seu openSUSE Leap, acesse o link abaixo e confira o passo a passo de instalação manual do ambiente de desenvolvimento do Java (JDK):

Instalando o Oracle Java (JDK) no openSUSE  

 Se deseja instalar apenas o ambiente de execução (JRE) basta acessar:

Instalando o Oracle Java (JRE) no openSUSE  



  Instalando o Android Studio


 O Android Studio é o IDE (Ambiente de Desenvolvimento Integrado) oficial da Google para desenvolver aplicativos para o Android, baseado no IntelliJ IDEA (IDE para desenvolvimento em Java da JetBrains).

Android Studio executando no openSUSE Leap 15.3

 O passo a passo de instalação do Android Studio no openSUSE está disponível no link abaixo, acesse:

Instalando o Android Studio no openSUSE  



  Instalando o NetBeans


 O NetBeans é um IDE de código aberto, gratuito e multiplataforma (mantido pela Apache Software Foundation) escrito em Java e utilizado por programadores de todo o mundo. Além de oferecer o suporte ao desenvolvimento de todos os tipos de aplicativos Java (Java SE (incluindo o JavaFX), Java ME, web apps, EJB e aplicativos móveis), ele também possui suporte a várias linguagens de programação, dentre elas o PHP, JavaScript, C e C++.

Apache NetBeans executando no openSUSE Leap 15.3

 O passo a passo de instalação do NetBeans no openSUSE está disponível no link abaixo, acesse:

Instalando o NetBeans no openSUSE  



  Instalando o PyCharm


 O PyCharm é um Ambiente de Desenvolvimento Integrado (IDE) da JetBrains para desenvolvimento em Python. Além de trazer um conjunto de ferramentas úteis para um desenvolvimento produtivo, o IDE fornece capacidades de alta classe para o desenvolvimento web profissional com os frameworks Django, Flask e Google App Engine.

PyCharm Community executando no openSUSE Leap 15.3

 O passo a passo de instalação do PyCharm no openSUSE você pode conferir no link abaixo, acesse:

Instalando o PyCharm no openSUSE  



  Softwares para Virtualização


 A virtualização pode ser adotada em diferentes ambientes e situações, sendo que o uso mais comum entre usuários domésticos é o teste de sistemas operacionais sem o risco de danificar o sistema principal do computador. Nesta seção mostraremos como instalar as principais ferramentas de virtualização disponíveis para o openSUSE Leap.

  Instalando o Virtual Machine Manager


 O virt-manager (Virtual Machine Manager) é uma interface gráfica desenvolvida pela Red Hat para gerenciar máquinas virtuais através do libvirt. Ele visa principalmente as VMs do KVM, mas também gerencia as máquinas virtuais do Xen e LXC (Linux Containers).

virt-manager executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o virt-manager e todas as suas dependências no openSUSE, execute o comando abaixo num terminal:

sudo zypper in -t pattern kvm_server kvm_tools

 Uma vez concluída a instalação, habilite o serviço do libvirtd no seu sistema com:

sudo systemctl enable libvirtd

 E inicie o serviço executando:

sudo systemctl start libvirtd



  Instalando o Oracle VM VirtualBox


 O VirtualBox é, sem sombra de dúvidas, o software de virtualização multiplataforma mais popular da atualidade. Desenvolvido pela Oracle, o VirtualBox possui uma interface gráfica intuitiva que permite criar e executar facilmente vários sistemas operacionais diferentes.

Oracle VM VirtualBox executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o VirtualBox no openSUSE Leap basta executar o comando abaixo:

sudo zypper in virtualbox virtualbox-guest-tools

 E adicione o seu usuário ao grupo "vboxusers" com o comando:

sudo gpasswd -a $USER vboxusers

 Logo após a instalação do VirtualBox você deve reiniciar o seu computador para que as alterações sejam aplicadas.



  Instalando o VMware Workstation Player


  O VMware Workstation Player é um software proprietário de virtualização desenvolvido pela VMware, disponível tanto para Linux como Windows e disponível gratuitamente para uso pessoal e não comercial. O Workstation Player é uma solução estável e madura para virtualização de desktop local, permitindo que você execute com segurança um segundo sistema operacional como uma máquina virtual em um único PC.

VMware Workstation Player executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o VMware Workstation Player no openSUSE Leap 15.3 basta seguir o passo a passo clicando no link abaixo, acesse:

Instalando o VMware Workstation Player no openSUSE Leap  



  Ferramentas e Utilitários


 E para finalizar este tutorial, abaixo listo algumas ferramentas úteis disponíveis para instalação no openSUSE Leap, dentre eles estão gerenciadores de download, um editor de partições e mais!

  Suporte para extração e compactação de arquivos


 Para poder compactar e extrair arquivos dos mais variados formatos no seu openSUSE Leap 15.3 será necessário instalar os pacotes e ferramentas necessárias, abra um terminal e execute o comando abaixo:

sudo zypper in bzip2 cabextract lhasa lzip p7zip p7zip-full rar unrar unzip zip



  Instalando o Dropbox


 O Dropbox é um dos serviços de armazenamento de arquivos em nuvem mais utilizados, oferecendo segurança e praticidade para guardar os seus documentos, músicas, imagens, etc., com a facilidade de poder acessar os seus arquivos de qualquer lugar.

Cliente do Dropbox executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso utilize esse serviço e queira instalar o cliente oficial do Dropbox no seu openSUSE Leap, execute o comando a seguir no terminal (via Flathub):

flatpak install flathub com.dropbox.Client



  Instalando o MEGAsync


 O MEGA também é um dos mais populares serviços de armazenamento e hospedagem de arquivos em nuvem, oferecendo privacidade e criptografia (que é controlada pelo próprio usuário - UCE) de ponta a ponta. Fundado por Kim Dotcom, o serviço oferece 50GB de armazenamento gratuito e possui um cliente nativo para Linux.

MEGAsync executando no openSUSE Leap 15.3

 Se você é usuário deste serviço e quer instalar o cliente do MEGA no openSUSE Leap 15.3, execute o comando abaixo para adicionar o repositório oficial no sistema:

sudo zypper ar -f https://mega.nz/linux/MEGAsync/openSUSE_Leap_15.0/ megasync

 Após, importe a chave de assinatura do repo:

sudo rpm --import https://mega.nz/linux/MEGAsync/openSUSE_Leap_15.0/repodata/repomd.xml.key

 E instale o MEGAsync com:

sudo zypper in megasync



 Caso queira instalar também a integração com o gerenciador de arquivos, execute um dos comandos abaixo (de acordo com o seu ambiente de área de trabalho):

    Integração com o Dolphin (KDE Plasma):

sudo zypper in dolphin-megasync

    Integração com o Nautilus (GNOME):

sudo zypper in nautilus-megasync

    Integração com o Nemo (Cinnamon):

sudo zypper in nemo-megasync

    Integração com o Thunar (Xfce):

sudo zypper in thunar-megasync



  Instalando o uGet


 O uGet é um gerenciador de downloads de código aberto e multiplataforma; ele é leve, fácil de usar e conta com vários recursos, dentre eles estão o monitoramento da área de transferência, gerenciamento avançado por categorias, download de arquivos em lotes e muito mais.

uGet executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o uGet no openSUSE Leap basta executar o comando abaixo:

sudo zypper in uget



  Instalando o qBittorrent


 Como o próprio nome sugere, o qBittorrent é um cliente de torrents multiplataforma e de código aberto, um dos melhores da atualidade. Ele é leve, tem uma interface bonita (semelhante ao uTorrent), é fácil de usar e possui várias funcionalidades, uma delas é o sistema de busca por torrents integrado (que realmente funciona).

qBittorrent executando no openSUSE Leap 15.3

 Para instalar o qBittorrent no openSUSE Leap é só executar o comando a seguir no terminal:

sudo zypper in qbittorrent



  Instalando o GParted


 O GParted é um dos melhores gerenciadores de partições disponível para Linux (possuindo, inclusive, uma mídia Live). Com ele é possível redimensionar, copiar e mover partições sem perdas de dados, tudo isso de uma forma simples e intuitiva.

GParted executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o GParted no seu openSUSE Leap basta executar o comando abaixo no terminal:

sudo zypper in gparted



  Instalando o TeamViewer


 O TeamViewer é o mais popular software multiplataforma para acesso remoto. Com ele é possível estabelecer conexões de entrada e saída para suporte ou acesso a outros computadores em tempo real, participar de reuniões, apresentações, conversar com outras pessoas/grupos e fazer chamadas em vídeo.

TeamViewer executando no openSUSE Leap 15.3

 Caso queira instalar o TeamViewer no openSUSE Leap você deve primeiro importar a chave de assinatura do repositório oficial, execute:

sudo rpm --import https://linux.teamviewer.com/pubkey/currentkey.asc

 E após, instale o TeamViewer com:

sudo zypper in https://download.teamviewer.com/download/linux/teamviewer-suse.x86_64.rpm



  Conhecendo o YaST e instalando novos softwares


Ícone do YaST (Yet another Setup Tool)
  O YaST (Yet another Setup Tool) é um dos softwares mais antigos do Linux, desenvolvido pela SUSE desde o ano de 1995 e lançado oficialmente em maio de 1996 na sua distribuição S.u.S.E. Linux 4.2, versão esta que carregava o Linux Kernel 2.0.0.
  Atualmente escrito em Ruby, o YaST é a principal ferramenta de instalação e configuração das distribuições openSUSE e SUSE Linux Enterprise, contando com uma interface amigável, simples de usar e recursos poderosos, onde todos os seus módulos como a configuração de hardware, de rede, dos serviços do sistema e as configurações de segurança podem ser acessadas facilmente no Centro de Controle do YaST.

Janela principal do YaST - openSUSE Leap 15.3

 ATENÇÃO! Pelo YaST é possível ajustar praticamente todas as configurações do openSUSE, incluindo partes "sensíveis" como é o caso do GRUB. Por isso você deve pesquisar (principalmente na documentação oficial do openSUSE Leap) sobre qualquer configuração do sistema ANTES DE ALTERÁ-LA. Como diria o saudoso Stan Lee, com grandes poderes vêm grandes responsabilidades.

 E na seção Software destacamos os módulos "Repositórios de software" onde você pode adicionar, modificar ou remover as suas fontes de instalação de programas e também o módulo "Gerenciamento de software", onde você poderá instalar, remover, bloquear alterações (útil para evitar que determinados pacotes sejam atualizados) e também procurar por novos softwares utilizando a aba "Pesquisar" e o campo de busca da mesma.

Gerenciamento de Software do YaST - openSUSE Leap 15.3

 Além do gerenciador de softwares do YaST e pelo terminal (como usamos a todo momento neste tutorial), existem outras maneiras de instalar e pesquisar por programas e pacotes no openSUSE, são elas:

  •   Utilizando as lojas de aplicativos "GNOME Software", do desktop GNOME e a "Discover", do KDE Plasma;

  •   Pelo site de busca de pacotes do openSUSE e usando o método de instalação "One Click Install";

  •   Pesquisando no site do Flathub (somente Flatpaks);

  •   Utilizando outros tipos de empacotamento de softwares como os Snaps e AppImage;

  •   Instalando manualmente um software do tipo "extrair e executar" (como o Telegram);

  •   Baixando um pacote RPM e realizando sua instalação clicando duas vezes no mesmo (não recomendado);

  •   Compilando e instalando um software a partir do código fonte (mais indicado para usuários avançados).

 Apesar de ser possível instalar pacotes RPM com dois cliques (semelhante ao Windows), recomendo cautela ao utilizar este método. Verifique antes se o software que pretende instalar possui um repositório próprio ou encontra-se disponível nos repositórios oficiais ou comunitários do openSUSE (inclusive nos formatos Flatpak, Snap, etc.) e se o site de onde baixou é o oficial e de confiança. Seguindo estas dicas simples você garante a segurança e a estabilidade do seu sistema.


  Conclusão


 Espero que este textão tutorial realmente tenha sido útil para você! Tem alguma dúvida, sugestão, crítica ou notou algum problema nesta página (link quebrado, informações incorretas, comando errado ou que precisa de atualização)? Então utilize o campo de comentários logo abaixo, seja pelo Disqus, Google/Blogger ou pelo Facebook, ok?!

 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do Blog Opção Linux assinando nosso Feed, ou siga-nos no Twitter, Facebook e também no nosso canal no Telegram! :)


 Obrigado pela visita e até o próximo tutorial!


   Referências:

COMENTÁRIOS

OATENÇÃO
Anúncio

Nome

#BlogOpçãoLinux,1,Adobe Flash Player,1,Android Studio,2,AnyDesk,1,Artigo,39,Áudio e Vídeo,1,Autor Convidado,3,AV Linux,4,Backup,2,Brasero,1,CentOS,3,Debian,20,Déjà Dup,1,Dica,103,Dolphin Emulator,1,Fedora,53,Fedy,1,Firefox,2,GNOME,5,Google Chrome,1,GParted,2,GRUB,3,I-Nex,1,Intel Graphics,2,IRPF,3,Java,8,K3b,1,KDE,6,Kdenlive,1,Lançamento,37,Lançamento - Novatec,9,Leap,2,LibreOffice,1,Linux,25,Linux Mint,7,Microsoft Edge,1,Morvan,1,MultiBootUSB,1,NetBeans,1,Notícias,47,NVIDIA,1,OpenMandriva,2,openSUSE,47,openSUSE Leap,6,openSUSE Tumbleweed,1,Opera,2,PC-BSD,1,PeaZip,1,pen drive,6,Pós-instalação,7,PyCharm,2,Recuperação,2,Redo Backup and Recovery,1,SELinux,2,Skype,2,Spotify,2,SUSE,12,Tchelinux,1,TDE,1,Team Fortress 2,1,TeamViewer,4,Telegram,4,Terminal,4,Ubuntu,36,Ventoy,1,VirtualBox,8,VMware Player,6,Windows,2,WineHQ,1,zypper,1,
ltr
item
Blog Opção Linux: Guia de pós-instalação do openSUSE Leap 15.3
Guia de pós-instalação do openSUSE Leap 15.3
Confira algumas dicas do que fazer após a instalação do openSUSE Leap 15.3, como a instalação dos codecs, do Steam, Spotify, do Google Chrome e mais!
https://1.bp.blogspot.com/-AZVpmAPVdGM/YMC6UHHIjFI/AAAAAAAAJlQ/-T3BwurrEzIwJGPzd-ySLjuoymAP4eOUACLcBGAsYHQ/s0/Guia-pos-instalacao-do-openSUSE-Leap-15.3.WebP
https://1.bp.blogspot.com/-AZVpmAPVdGM/YMC6UHHIjFI/AAAAAAAAJlQ/-T3BwurrEzIwJGPzd-ySLjuoymAP4eOUACLcBGAsYHQ/s72-c/Guia-pos-instalacao-do-openSUSE-Leap-15.3.WebP
Blog Opção Linux
https://www.blogopcaolinux.com.br/2021/06/Guia-pos-instalacao-openSUSE-Leap-15.3.html
https://www.blogopcaolinux.com.br/
https://www.blogopcaolinux.com.br/
https://www.blogopcaolinux.com.br/2021/06/Guia-pos-instalacao-openSUSE-Leap-15.3.html
true
7244430709813195206
UTF-8
Carregado todas as postagens Não encontramos nenhuma postagem VER TUDO Leia + Responder Cancelar resposta Excluir By Home PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADO PARA VOCÊ TAG ARQUIVO PESQUISAR... TODOS OS POSTS Não encontramos nenhuma correspondência com o seu pedido Voltar para a Página Inicial Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhe em uma rede social PASSO 2: Clique no link na sua rede social Copiar todo o Código Selecionar todo o Código Todos os códigos foram copiados para a Área de Transferência Não foi possível copiar o código / texto, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Índice de Conteúdo