Como criar um pendrive bootável pelo terminal

Veja como criar um pendrive bootável de distros Linux pelo terminal usando o comando "dd".

Como criar um pendrive bootável pelo terminal

Você vai aprender, neste tutorial, a criar um pen drive bootável de qualquer distribuição Linux pelo terminal usando o dd.

 Muitos estão acostumados a usar programas gráficos, como o UNetbootin, para criar pen drives bootáveis. Apesar disso, há uma maneira mais "simples" de criar um pen drive no Linux, que é o utilizando o dd pelo terminal, sem a necessidade de instalar algum pacote extra no sistema. Abaixo você vai conferir o passo a passo de criação de um pen drive bootável de distribuições Linux e sistemas Unix-like (FreeBSD, OpenBSD, etc). Vamos lá?!

      ---   ATENÇÃO   ---      

Se você deseja criar um pen drive bootável do Windows 10, 8/8.1 ou Windows 7 através da sua distro Linux, você deverá seguir o nosso outro tutorial, acesse o link abaixo:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2017/03/Como-criar-um-pen-drive-bootavel-do-Windows-no-Linux.html
   Este tutorial funciona tanto com arquivos de imagem .ISO quanto com arquivos de imagem de disco (.IMG).
 A primeira coisa a se fazer é conectar no seu computador apenas o pen drive que será utilizado nestes procedimentos. Feito isso, abra um terminal e execute o comando abaixo para identificá-lo:

sudo fdisk -l

 Estou utilizando um pen drive da SanDisk de 8GB, e que, segundo mostrado pelo comando acima, é o disco identificado como /dev/sdc, como mostrado na imagem abaixo:

Comando fdisk -l, mostrando todos os discos do computador, incluindo o pen drive
      ---   ATENÇÃO   ---      

Identifique CORRETAMENTE o seu pen drive, pois, caso contrário, poderá destruir todos os dados do seu disco rígido.

Nos comandos a seguir, você deverá substituir o "X" pela letra correspondente ao seu pen drive. No meu caso, por exemplo, é o disco identificado como "/dev/sdc", então preciso trocar o "X" pela letra "c".
 Feito isso, desmonte-o com o comando (caso esteja montado) com:

sudo umount /dev/sdX*
* Como indicado anteriormente, você deve trocar o X, do comando acima, pelo seu pen drive.

 Caso queira, poderá formatar o seu pen drive antes de gravar a imagem ISO, para isso, basta executar o comando:

sudo mkfs.vfat -I /dev/sdX1
* Nesse exemplo, estou formatando o pen drive com o sistema de arquivos FAT32, utilizando o mkfs (incluído em praticamente todas as distribuições). Para mais detalhes sobre este comando, tecle man mkfs no terminal.

 Recomendo que verifique se o seu arquivo ISO ou IMG não está corrompido antes de gravá-lo no pen drive. Confira, no link a seguir, as instruções de como verificá-lo:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/11/verificar-md5-sha256-de-arquivos-terminal-linux.html








 Tudo pronto? Vamos agora criar o pen drive bootável pelo terminal. Abaixo um exemplo de uso "simples" do comando dd (que é usado como root):

sudo dd if=/local/da/imagem.iso of=/dev/sdX && sync

 Onde:
  • if = Refere-se ao arquivo de entrada (input file), que no caso, é a sua imagem .ISO ou .IMG;
  • of = É o arquivo de saída (output file), que neste caso é o seu pen drive;
  • sync = Esta opção garante que todos os dados sejam copiados para o pen drive.

 Como a ISO que baixei está na pasta "Downloads", o comando ficou assim:

##### EXEMPLO #####
sudo dd if=/home/sandro/Downloads/Fedora-Workstation-Live-x86_64-25-1.3.iso of=/dev/sdc && sync
* Neste exemplo, utilizei uma imagem ISO do Fedora, mas pode ser de qualquer distro Linux ou arquivo de imagem de disco (.IMG).

 DICA - Por padrão, o "dd" não exibe o progresso de gravação da imagem de disco, mas caso queira acompanhá-lo, basta adicionar a opção status=progress no comando acima. Confira o exemplo:

sudo dd if=/local/da/imagem.iso of=/dev/sdX status=progress && sync

 Dica enviada pelo nosso leitor @Fábio Mattes!

 Agora é só aguardar! Este processo é um pouco demorado, no meu caso, foram aproximadamente 8 minutos, isso vai depender da velocidade de escrita do pen drive e do tamanho da imagem de disco que está sendo utilizada, ok?

Exemplo de saída do comando dd, gravando uma imagem ISO no pen drive

 Depois de concluído o processo, o seu pen drive bootável estará pronto! Agora basta fechar os seus trabalhos, reiniciar o computador, configurar o Setup do mesmo para dar boot pelo pen drive (aprenda AQUI) e, finalmente, testar/instalar o seu sistema!

 E após instalar o seu sistema operacional, provavelmente vai querer utilizar o pen drive para guardar arquivos como fazia antes, não é? Então acesse o link abaixo com o passo a passo de como formatar um pen drive pelo terminal:

  http://www.blogopcaolinux.com.br/2016/08/como-formatar-um-pen-drive-pelo-terminal-linux.html


 Então é isso! Caso tenha alguma dúvida, sugestão ou crítica a respeito deste tutorial, basta deixar o seu comentário logo abaixo, ou se preferir, entre em contato conosco!

 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do blog Opção Linux no seu e-mail, ou siga-nos no Google+, no Twitter ou na nossa página no Facebook! :)

 Muito obrigado pela visita e até o próximo tutorial!


Referências:

COMENTÁRIOS

BLOGGER: 2

PUBLICIDADE

Nome

#BlogOpçãoLinux,2,Adobe Flash Player,1,Android Studio,2,AnyDesk,2,Artigo,45,Áudio e Vídeo,1,Autor Convidado,3,AV Linux,4,Backup,2,Brasero,1,CentOS,3,Debian,27,Déjà Dup,1,Dica,112,Dolphin Emulator,1,Fedora,58,Fedy,1,Firefox,2,follow.it,1,GNOME,6,Google Chrome,1,GParted,2,GRUB,3,I-Nex,1,Intel Graphics,2,IRPF,3,Java,9,K3b,1,KDE,6,Kdenlive,1,Lançamento,41,Lançamento - Novatec,9,Leap,2,LibreOffice,1,Linux,25,Linux Mint,9,Microsoft Edge,1,Morvan,1,MultiBootUSB,1,NetBeans,2,Notícias,51,NVIDIA,1,OpenMandriva,2,openSUSE,47,openSUSE Leap,6,openSUSE Tumbleweed,1,Opera,2,PC-BSD,1,PeaZip,1,pen drive,6,Pós-instalação,11,PyCharm,2,Recuperação,2,Redo Backup and Recovery,1,SELinux,2,Skype,2,Spotify,2,SUSE,12,Tchelinux,1,TDE,1,Team Fortress 2,1,TeamViewer,4,Telegram,4,Terminal,4,Ubuntu,44,Ventoy,1,VirtualBox,9,VMware Player,8,VMware Workstation,2,Windows,2,WineHQ,1,zypper,1,
ltr
item
Blog Opção Linux: Como criar um pendrive bootável pelo terminal
Como criar um pendrive bootável pelo terminal
Veja como criar um pendrive bootável de distros Linux pelo terminal usando o comando "dd".
https://2.bp.blogspot.com/-nDrftB9J-GY/VmwWQrZdEaI/AAAAAAAAC20/m7oZu5EAp7c/s320/bash-logo-edit-2.png
https://2.bp.blogspot.com/-nDrftB9J-GY/VmwWQrZdEaI/AAAAAAAAC20/m7oZu5EAp7c/s72-c/bash-logo-edit-2.png
Blog Opção Linux
https://www.blogopcaolinux.com.br/2015/12/como-criar-um-pendrive-bootavel-pelo.html
https://www.blogopcaolinux.com.br/
https://www.blogopcaolinux.com.br/
https://www.blogopcaolinux.com.br/2015/12/como-criar-um-pendrive-bootavel-pelo.html
true
7244430709813195206
UTF-8
Carregado todas as postagens Não encontramos nenhuma postagem VER TUDO Leia + Responder Cancelar resposta Excluir By Home PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADO PARA VOCÊ TAG ARQUIVO PESQUISAR... TODOS OS POSTS Não encontramos nenhuma correspondência com o seu pedido Voltar para a Página Inicial Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhe em uma rede social PASSO 2: Clique no link na sua rede social Copiar todo o Código Selecionar todo o Código Todos os códigos foram copiados para a Área de Transferência Não foi possível copiar o código / texto, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Índice de Conteúdo