Aprenda, neste tutorial, a instalar a versão mais recente do VMware Workstation Player no openSUSE Leap.
Instalando o VMware Workstation Player no openSUSE Leap

Aprenda, neste tutorial, a instalar a versão mais recente do VMware Workstation Player no openSUSE Leap.

 O VMware Workstation Player (anteriormente VMware Player) é um software de virtualização para computadores de 64 bits, disponível tanto para Linux quanto Windows, com ele é possível criar e executar máquinas virtuais dos mais variados sistemas operacionais (guest) ao mesmo tempo que utiliza o S.O. instalado no seu computador (host).


 Diferente do Oracle VM VirtualBox, o VMware Workstation Player é proprietário, mas pode ser utilizado gratuitamente apenas para uso pessoal e não comercial.
 Conheça todos os recursos e detalhes a respeito do VMware Workstation Player acessando:

  http://www.vmware.com/br/products/workstation-for-linux.html


 Vamos à instalação!


* Testado no openSUSE Leap 42.1 e 42.2, com a versão 12.5.1 do VMware Workstation Player.


Requisitos de sistema


 Os requisitos de sistema exigidos para instalar e executar o VMware Workstation Player são:

  • Processador Intel ou AMD de 64 bits, com velocidade igual ou superior a 1,3 GHz;
  • 4 GB ou mais de memória RAM;
  • 700 MB de espaço em disco para a instalação do software.



Instalando o VMware Workstation Player


 Você deve atualizar o seu sistema antes de fazer a instalação, para isso, abra um terminal e digite:

sudo zypper up

 Após a conclusão, você DEVE reiniciar o seu computador antes de continuar seguindo os passos a seguir, ok?








 Supondo que você reiniciou o seu computador após atualizar o sistema, abra novamente um terminal e instale as dependências necessárias com:

sudo zypper in autoconf automake gcc kernel-devel make

 Faça o download da versão mais recente do VMware Workstation Player através do site oficial:

  https://www.vmware.com/go/downloadplayer

 Clique em "VMware Workstation Player for Linux 64-bit - Download Now", como indicado na imagem abaixo:


Página de download do VMware Workstation Player em 20 de dezembro de 2016


 Acesse a pasta onde baixou o arquivo de instalação pelo terminal, caso o mesmo esteja na pasta "Downloads" (por exemplo), digite:

cd /home/$USER/Downloads

 Após, dê permissão de execução ao arquivo com:

sudo chmod +x VMware*.bundle

 E execute-o:

sudo sh VMware*.bundle

 O instalador do VMware Workstation Player será executado via terminal, já que os pacotes necessários/compatíveis para exibir o instalador gráfico não estão disponíveis no sistema.

 Pressione Enter para continuar:

Tecle "Enter" para continuar

 Será exibido o Contrato de Licença do VMware Workstation Player (continue pressionando Enter para exibir o restante do contrato ou tecle q para pular), você deve aceitá-lo para usar o software, para isso, tecle y (ou escreva yes) e logo após, pressione Enter, como mostra a imagem abaixo:

Aceite o Contrato de Licença do VMware Workstation Player teclando y e após "Enter"

 Feito isso, pressione novamente Enter para exibir o Contrato de Licença do VMware OVF Tool:

Tecle "Enter" para exibir o Contrato de Licença do VMware OVF Tool

 Continue pressionando a tecla Enter para exibir o restante do contrato ou tecle q para pular. Após, tecle y (ou escreva yes) para aceitá-lo e pressione Enter para continuar:

Aceite o Contrato de Licença do VMware OVF Tool teclando y e "Enter" em seguida

 Na próxima etapa você poderá escolher se o VMware Workstation Player deve procurar ou não atualizações ao iniciar. No meu caso não habilitei essa função, escrevi no e pressionei Enter, conforme mostrado na imagem abaixo:

Deseja que o VMware Player procure por atualizações ao iniciar?

 Após, você poderá permitir ou não que o VMware Workstation Player envie informações anônimas sobre o seu sistema e as estatísticas de uso à VMware, eu preferi não enviar, escrevi no e pressionei Enter para continuar:

Deseja que o VMware Player envie informações anônimas do seu sistema e estatísticas de uso à VMware?

 Na próxima etapa você tem a opção de inserir uma chave de licença comercial do VMware Workstation Player (caso tenha comprado). Como não tenho uma chave de licença e nem pretendo utilizá-lo comercialmente, apenas pressionei Enter para continuar:

Você tem a opção de inserir uma chave de licença (caso tenha comprado), caso contrário, tecle "Enter" para continuar

 Tudo pronto, pressione Enter mais uma vez para instalar o VMware Workstation Player:

Pressione "Enter" para continuar com a instalação

 Agora é só aguardar a conclusão do processo, que é bem rápida:

Aguarde enquanto é realizada a instalação

 Se tudo ocorrer bem, aparecerá uma mensagem indicando que a instalação foi bem sucedida ("Installation was successful"), como mostrado abaixo:

O VMware Workstation Player foi instalado com sucesso!

 Procure pelo atalho do VMware Player no menu de aplicativos (na categoria "Sistema", caso use o KDE) e clique sobre o mesmo, conforme indicado na imagem abaixo (ou digite vmplayer no terminal para executá-lo):

Menu do KDE exibindo o atalho do VMware Player na categoria "Sistema"

 Ao executá-lo pela primeira vez, será exibido uma janela semelhante a esta abaixo, nela,  selecione a opção "Use VMware Workstation Player for free for non-commercial use" (Usar o VMware Workstation Player gratuitamente para uso não comercial) e digite o seu endereço de e-mail no campo indicado logo abaixo desta opção.
 Caso tenha comprado uma Licença de uso comercial, selecione a opção "Enter a license key to allow commercial use" e insira-a logo abaixo).

 Feito isso, clique em "OK":

Insira o seu e-mail para poder utilizar gratuitamente o VMware Workstation Player (uso não comercial)

 Agora é só começar a utilizar o VMware Workstation Player no openSUSE Leap!

VMware Workstation Player executando no openSUSE Leap 42.2 com KDE Plasma 5.8 LTS



Desinstalando o VMware Workstation Player


 Caso queira desinstalar o VMware Workstation Player, basta executar o comando abaixo:

sudo vmware-installer -u vmware-player

 O processo de desinstalação também será via terminal, após fornecer a sua senha de usuário, você será questionado se deseja manter os arquivos de configuração do software, no meu caso optei por deletar, escrevi no e pressionei Enter (caso queira manter, escreva yes):

Escolha se deseja manter ou remover os arquivos de configuração do VMware Player

 E aguarde o término de desinstalação:
 
Aguarde enquanto o software é desinstalado

 O VMware Workstation Player foi desinstalado com sucesso:

VMware Workstation Player desinstalado com sucesso!

 Simples, não?!



 Então é isso! Caso tenha alguma dúvida, sugestão ou crítica a respeito deste tutorial, basta deixar o seu comentário logo abaixo (se não aparecer a sessão de comentários do Disqus, recarregue a página), ou se preferir, entre em contato conosco!

 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do blog Opção Linux no seu e-mail, ou siga-nos no Google+, no Twitter ou na nossa página no Facebook! :)

 Muito obrigado pela visita e até o próximo tutorial!



Referências:


Sandro de Castro

Sandro de Castro

Um cara apaixonado por Linux e tecnologia! Sandro é satentusiasta e fundador/mantenedor do Blog Opção Linux, está sempre à procura por novos conhecimentos a fim de ajudar os iniciantes no Linux, desde a instalação das principais distribuições quanto ao uso no dia a dia.



  Olá! Seu comentário é muito importante para nós, portanto, fique à vontade para expressar a sua opinião sobre o post acima em um dos sistemas de comentários disponíveis (Disqus, Blogger/Google ou Facebook). Mas antes de escrever algo, fique atento:

  • É permitido colocar links nos comentários, mas eles serão moderados antes da publicação;
  • A prática de SPAM é proibida. Comentários feitos apenas com a intenção de divulgar um site ou blog serão excluídos;
  • Seja educado! Não é permitido o uso de linguagem imprópria e/ou ofensiva;
  • Evite escrever todo o seu TEXTO EM CAIXA ALTA;
  • Caso queira falar sobre outro assunto (que não tenha relação com esse post), poderá entrar em contato diretamente conosco!

Postar um comentário:

0 Comentários: