Principais categorias:

Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Intel Graphics Update Tool no Fedora 26 Workstation

 Aprenda, nesta dica, a instalar os drivers gráficos mais recentes para placas Intel no Fedora 26 Workstation com o Intel Graphics Update Tool.

 O Intel Graphics Update Tool for Linux é um utilitário gráfico para você que deseja instalar facilmente a versão mais recente dos drivers gráficos para sua placa de vídeo Intel (onboard) no Fedora e no Ubuntu. Esse aplicativo adiciona o repositório oficial da Intel no sistema, com isso você sempre terá as últimas versões dos drivers gráficos instalados.

 Segundo informado no site da Intel, os drivers gráficos disponibilizados pelo projeto Intel Linux Graphics são suportados SOMENTE pelos seguintes chipsets:

Ivybridge       Intel® HD Graphics 2500/4000 (used in 3rd Generation Intel® Core™ i7/i5/i3 processor family)
Sandybridge     Intel® HD Graphics 2000/3000 (used in 2nd Generation Intel® Core™ i7/i5/i3 processor family)
Ironlake        Intel® HD Graphics (used in Intel® 2010 Core™ i7/i5/i3 processor family)
GMA3150         Intel® Graphics Media Accelerator 3150 (used in Intel® Atom™ processor N450/D410/D450 family)
G45             Intel® G45 Express Chipset
Q45             Intel® Q45 Express Chipset
G43             Intel® G43 Express Chipset
Q43             Intel® Q43 Express Chipset
B43             Intel® B43 Express Chipset
G41             Intel® G41 Express Chipset
GM45            Mobile Intel® GM45/GS45/GL40 Express Chipset
G35             Intel® G35 Express Chipset
Q35             Intel® Q35 Express Chipset
Q33             Intel® Q33 Express Chipset
G33             Intel® G33/G31 Express Chipset
965GM           Mobile Intel® GM965 Express Chipset
965G            G965 Integrated Graphics Controller
965Q            Q963/Q965 Integrated Graphics Controller
946GZ           946GZ/GL Integrated Graphics Controller
945G            945G Integrated Graphics Controller
945GM           Mobile 945GM/GMS/940GML Express Integrated Graphics Controller
915G            82915G/GV/910GL Express Chipset Family Graphics Controller
915GM           Mobile 915GM/GMS/910GML Express Graphics Controller
865G            82865G Integrated Graphics Controller
855GM           82852/855GM Integrated Graphics Device
845G            82845G/GL[Brookdale-G]/GE Chipset Integrated Graphics Device
i830M           82830 Chipset Graphics Controller
815             82815 Chipset Graphics Controller
810             82810 Chipset Graphics Controller
810-DC100       82810-M DC-100 System and Graphics Controller

 Para conhecer mais detalhes sobre o projeto Intel Graphics for Linux, basta acessar o site oficial:

  https://01.org/linuxgraphics/about

 Vamos então à instalação!

  Tutorial testado no Fedora 26 Workstation (GNOME), utilizando a versão 2.0.6 do Intel Graphics Update Tool for Linux, disponibilizada no dia 25 de agosto de 2017.
  ATENÇÃO   
Este tutorial é destinado principalmente às pessoas que desejam obter uma melhora no desempenho dos jogos ou que enfrentam algum problema com os drivers disponibilizados nos repositórios oficiais do Fedora. Se este não é o seu caso, pense duas vezes antes de seguir os passos abaixo, ok?
Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Tchelinux 2017 - Próximos eventos

 O grupo de usuários Tchelinux orgulhosamente informa a programação dos dois próximos eventos, e o planejamento de mais 1 evento a caminho!

 Para quem ainda não conhece, o Tchelinux é um grupo comunitário que reúne entusiastas, usuários e desenvolvedores de Software Livre no Rio Grande do Sul. O evento, organizado por membros deste grupo e voluntários, tem como objetivo integrar a comunidade de Software Livre com palestras, oficinas e outros eventos, a fim de fortalecer a cultura de Software Livre no estado do Rio Grande do Sul. Todos os eventos do Tchelinux são sempre gratuitos, porém os participantes são encorajados a doar 2kg de alimentos não-perecíveis, que são encaminhados a instituições de caridade da cidade onde ocorre o evento.

 No dia 23 de Setembro, a cidade de Bento Gonçalves estará recebendo o Tchelinux na UCS Campus Bento Gonçalves. A programação já está liberada, e mais informações estão acessíveis no site do evento: https://bento.tchelinux.org/.
 Na semana seguinte, dia 30 de Setembro, é a vez da cidade de Erechim receber o Tchelinux na Faculdade Anglicana de Erechim. A programação já está liberada, e mais informações estão disponíveis no site do evento, acesse erechim.tchelinux.org/.
 Já no dia 21 de Outubro, a cidade de Caxias receberá o Tchelinux na UNIFTEC Caxias do Sul. A chamada de trabalhos está aberta, e mais informações estão acessíveis no site do evento: caxias.tchelinux.org/.

 Participe contribuindo com a sua comunidade e com o software livre!


 Aproveite e cadastre-se para receber todas as novidades do Blog Opção Linux no seu e-mail, ou siga-nos no Google+, no Twitter, Facebook ou no nosso canal no Telegram! :)

 Obrigado pela visita e até +!

Referência:

Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Intel Graphics Update Tool no Ubuntu 17.04 "Zesty Zapus"

 Veja como instalar os drivers gráficos mais recentes para placas Intel no Ubuntu 17.04 (Zesty Zapus) com o Intel Graphics Update Tool for Linux.

 O Intel Graphics Update Tool for Linux é um utilitário gráfico para você que deseja instalar facilmente a versão mais recente dos drivers gráficos para sua placa de vídeo Intel no Fedora e no Ubuntu. Esse aplicativo adiciona o repositório oficial da Intel no sistema, com isso você sempre terá as últimas versões dos drivers Intel instalados.

 Segundo informado no site da Intel, os drivers gráficos disponibilizados pelo projeto Intel Linux Graphics são suportados SOMENTE pelos seguintes chipsets Intel:

Ivybridge       Intel® HD Graphics 2500/4000 (used in 3rd Generation Intel® Core™ i7/i5/i3 processor family)
Sandybridge     Intel® HD Graphics 2000/3000 (used in 2nd Generation Intel® Core™ i7/i5/i3 processor family)
Ironlake        Intel® HD Graphics (used in Intel® 2010 Core™ i7/i5/i3 processor family)
GMA3150         Intel® Graphics Media Accelerator 3150 (used in Intel® Atom™ processor N450/D410/D450 family)
G45             Intel® G45 Express Chipset
Q45             Intel® Q45 Express Chipset
G43             Intel® G43 Express Chipset
Q43             Intel® Q43 Express Chipset
B43             Intel® B43 Express Chipset
G41             Intel® G41 Express Chipset
GM45            Mobile Intel® GM45/GS45/GL40 Express Chipset
G35             Intel® G35 Express Chipset
Q35             Intel® Q35 Express Chipset
Q33             Intel® Q33 Express Chipset
G33             Intel® G33/G31 Express Chipset
965GM           Mobile Intel® GM965 Express Chipset
965G            G965 Integrated Graphics Controller
965Q            Q963/Q965 Integrated Graphics Controller
946GZ           946GZ/GL Integrated Graphics Controller
945G            945G Integrated Graphics Controller
945GM           Mobile 945GM/GMS/940GML Express Integrated Graphics Controller
915G            82915G/GV/910GL Express Chipset Family Graphics Controller
915GM           Mobile 915GM/GMS/910GML Express Graphics Controller
865G            82865G Integrated Graphics Controller
855GM           82852/855GM Integrated Graphics Device
845G            82845G/GL[Brookdale-G]/GE Chipset Integrated Graphics Device
i830M           82830 Chipset Graphics Controller
815             82815 Chipset Graphics Controller
810             82810 Chipset Graphics Controller
810-DC100       82810-M DC-100 System and Graphics Controller

 Conheça mais detalhes sobre o projeto Intel Graphics for Linux acessando o site oficial:

  https://01.org/linuxgraphics/about

 Vamos à instalação!

  Tutorial testado no Ubuntu 17.04 "Zesty Zapus" com o ambiente de área de trabalho Unity, utilizando a versão 2.0.6 do Intel Graphics Update Tool for Linux, disponibilizada no dia 25 de agosto de 2017.
  ATENÇÃO   
Este tutorial é destinado principalmente às pessoas que desejam obter uma melhora no desempenho dos jogos ou que enfrentam algum problema com os drivers disponibilizados nos repositórios do Ubuntu. Se este não é o seu caso, pense duas vezes antes de seguir os passos abaixo, ok?
Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Lançado o GNOME 3.26, confira algumas das novidades!

 Trazendo novos recursos e melhorias, a equipe de lançamento do GNOME anunciou hoje, dia 13 de setembro de 2017, a versão final do GNOME 3.26 "Manchester", incorporando mais de 28 mil alterações feitas por cerca de 753 contribuidores.

 O codinome "Manchester" foi em reconhecimento à equipe organizadora do GUADEC deste ano, realizado em Manchester, na Inglaterra. GUADEC é a principal conferência anual do GNOME, que só é possível devido ao incrível trabalho de voluntários locais.


"Estamos felizes e orgulhosos de anunciar o GNOME 3.26, a mais recente versão do GNOME, 'Manchester', apenas algumas semanas depois de celebrarmos o aniversário de 20 anos do GNOME no GUADEC", disse Matthias Clasen, membro da equipe de desenvolvedores do GNOME.

"Como sempre, a comunidade GNOME fez um ótimo trabalho no fornecimento de recursos interessantes, completando as traduções e refinando a experiência do usuário. Obrigado!"

Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Instalando o VMware Workstation no Fedora 26

 Você vai aprender, nesta dica, a instalar a versão mais recente do VMware Workstation Player no Fedora 26 Workstation.

 O VMware Workstation Player (antes chamado de VMware Player Pro) é um software de virtualização gratuito para computadores de 64 bits, disponível para Linux e Windows. Com uma interface de usuário simplificada, o VMware Workstation permite a criação e execução de sistemas operacionais e aplicativos em uma máquina virtual (guest), ao mesmo tempo que utiliza o sistema operacional que está instalado no seu computador (host).

 Ao contrário do Oracle VM VirtualBox, o VMware Workstation Player é proprietário, possui menos recursos que a sua versão paga, o VMware Workstation Pro (como a possibilidade de criar snapshots e clones das máquinas virtuais) e apenas é permitido o uso pessoal e não comercial.

 Acesse o link abaixo e confira todos os detalhes sobre o VMware Workstation Player:

  http://www.vmware.com/br/products/workstation-for-linux.html


 Oracle VM VirtualBox ou VMware Workstation Player? Qual é a melhor solução de virtualização para as minhas necessidades? Descubra os prós e contras de cada versão acessando o link abaixo:

  http://technologyadvice.com/blog/information-technology/vmware-vs-virtualbox/

 Confira também um teste de desempenho entre o Oracle VM VirtualBox e o VMware Workstation Player, acesse:

  http://xmodulo.com/vmware-player-vs-virtualbox-performance-comparison.html


   Tutorial testado no Fedora 26 Workstation, com a versão 12.5.7 do VMware Workstation Player.
Tutoriais de instalação e pós-instalação do openSUSE, Fedora, Debian e do Ubuntu, além de notícias e dicas sobre Linux em geral!
Instalando a versão mais recente do Android Studio no Debian e no Ubuntu

 O Android Studio é o IDE (Integrated Development Environment ou 'Ambiente de Desenvolvimento Integrado') oficial da Google para desenvolver aplicativos para o Android. Ele é baseado no IntelliJ IDEA (IDE para desenvolvimento em Java da JetBrains) e está disponível gratuitamente, tanto para Linux como Windows e macOS.
 Além do editor de código e das ferramentas de desenvolvedor avançadas do IntelliJ, o Android Studio oferece ainda mais recursos para aumentar sua produtividade na criação de aplicativos Android, como:

  • Um sistema de compilação flexível baseado no Gradle;
  • Um emulador rápido com inúmeros recursos;
  • Um ambiente unificado para você poder desenvolver para todos os dispositivos Android;
  • Instant Run para aplicar alterações a aplicativos em execução sem precisar compilar um novo APK;
  • Modelos de códigos e integração com GitHub para ajudar a criar recursos comuns dos aplicativos e importar exemplos de código;
  • Ferramentas e estruturas de teste cheias de possibilidades;
  • Ferramentas de verificação de código suspeito para detectar problemas de desempenho, usabilidade, compatibilidade com versões e outros;
  • Compatibilidade com C++ e NDK;
  • Compatibilidade embutida com o Google Cloud Platform, facilitando a integração do Google Cloud Messaging e do App Engine.

 Conheça mais detalhes a respeito do Android Studio acessando o site oficial:

  https://developer.android.com/studio/features.html?hl=pt-br

 Neste tutorial, você vai aprender a instalar a versão mais recente do Android Studio no Debian, no Ubuntu e em distribuições derivadas (como o Linux Mint), de um jeito simples e prático.

  Tutorial testado no Debian 9 "Stretch" e no Ubuntu 16.04.3 LTS "Xenial Xerus", ambos de 64 bits.